A Próxima Companhia se apresenta no teatro do Sesc

michel Peça foi criada a partir de visitas a comunidades de Canela (TO) e Patrimônio(MG). (Foto: Michel Igielka)

Acontece hoje, às 20h, no Sesc, apresentação do espetáculo teatral Enquanto Chão, da A Próxima Companhia. O evento faz parte do projeto Em.Cena.Ação da instituição, que traz uma programação mensal de espetáculos teatrais que contempla a produção contemporânea em sua diversidade de técnicas e temas. A entrada é gratuita.

Segundo o ator Caio Franzolin, 32, integrante do grupo, para que o espetáculo ocorresse, pesquisas foram realizadas desde 2013. “Fui, com a orientação cênica de Carminda Mendes André, a Minas Gerais e Tocantins para conhecer um pouco da cultura das comunidades tradicionais dos estados. A ideia do espetáculo surgiu a partir dessas idas e vindas quando me deparei com o risco de apagamento cultural”, contou Franzolin.

As comunidades visitadas e pesquisadas foram Canela (TO) e Patrimônio (MG). Franzolin identificou traços que uniram as duas comunidades, que possui diversas festas populares e cultura tradicional. “Esse foi nosso intuito, pesquisar o porque comunidades tão importantes como essas estão desaparecendo culturalmente aos poucos”, afirmou.

O espaço do espetáculo é construído coletivamente com o público, buscando criar um ambiente coletivo de interação onde, em roda, histórias e memórias, bebidas e comidas são compartilhadas. “Convido a todos para o encontro e que a peça proponha também esse encontro com essas histórias e memórias”, falou Franzolin.

CIA. — A Próxima Companhia, núcleo artístico da Cooperativa Paulista de Teatro, nasceu em 2014 a partir das inquietações de Franzolin e os artistas Caio Marinho, Gabriel Küster, Paula Praia e Juliana Oliveira.

 SERVIÇO -— Projeto Em.Cena.Ação. Apresentação do espetáculo Enquanto Chão. Hoje, às 20h, no Sesc (rua Ipiranga, 155, Centro). Entrada gratuita. Informações: (19) 3437-9292.

(Ana Caroline Lopes)