A vida pode ser mellhor se existe consciência sobre o que é felicidade

‘E se a vida me quiser feliz agora’ dialoga a importância da saúde emocional e a autocompreensão. (Claudinho Coradini/JP)

A busca pela felicidade é a motivação para a vida de qualquer ser humano. Não importa o que represente felicidade para cada um, – seja um bom emprego, uma família unida ou viver viajando – todos estão em busca de serem felizes.

Em um dos manuscritos filosóficos mais antigos sobre o assunto, do grego Tales de Mileto, a felicidade dependia de um “corpo são e forte, boa sorte e alma bem formada”. Já para Rousseau, séculos depois, ser feliz envolve a relação entre indivíduo e sociedade. Mas em tempos contemporâneos, permeados pela instantaneidade e tecnologia, como encontrar a verdadeira felicidade?

Esse é o tema do evento “E se a vida me quiser feliz agora”, que acontece neste domingo (18), das 9h às 17h, no Hotel Center Flat, organizado pelos professores Dinael C. de Campos, doutor em psicologia, palestrante internacional e autor do livro “Ousadia em Ser Feliz”, e Júnior Ometto, psicanalista e especialista em desenvolvimento humano e inteligência emocional.

Todos os participantes levam para casa, autografado, o livro de Campos. As inscrições para o dia são limitadas e podem ser realizadas pelo WhatsApp (19) 9 8363-7113.

Nosso objetivo é dialogar sobre a vida e a felicidade, ou mesmo, a felicidade em viver.

Cuidar da saúde física é muito importante, mas é a saúde emocional que comanda tudo. Você já deve ter ouvido falar que nossos pensamentos nos condicionam, e é verdade, pois tudo parte deles. O que precisa estar claro é que todo pensamento vem de uma emoção. Portanto, se não compreendermos a importância das emoções e do seu gerenciamento, de nada adiantará qualquer outro esforço”, pondera Ometto.

A imersão tem o intuito de nortear os participantes, muitas vezes perdidos em meio a tantas opções e obrigações, a estarem preparados encontrar a felicidade e vivenciá-la.

De acordo com os organizadores, a ideia é que a imersão não seja esquecida, mas levada para a vida diária dos alunos, aos quais serão disponibilizadas ferramentas modernas e práticas para o desenvolvimento humano e corporativo, bem como reflexões sobre como a vida pode ser melhor se existe a consciência sobre o que é a felicidade verdadeira e se há certeza sobre a efetividade dela.

Acreditamos que a reflexão é o mais eficaz ponto de partida para a evolução e, consequentemente, para a cura e isso a Filosofia tem provado, inclusive com o sucesso que muitos pensadores estão fazendo atualmente. Estaremos passando uma boa parte do dia juntos, portanto, os participantes podem esperar muito conteúdo, baseado em reflexões profundas e imprescindíveis sobre o bem viver”, afirma Ometto.

SERVIÇO

Evento imersivo “E se a vida me quiser feliz agora”. Domingo (18), das 9h às 17h, no auditório térreo do Hotel Center Flat – Rua José Pinto de Almeida, 877, Bairro Alto. Inscrições e mais informações pelo WhatsApp: (19) 9 8363-7113.

Mariana Requena
mariana.requena@jpjornal.com.br