Acipi incentiva comerciantes a aderirem à Semana do Brasil

Objetivo é estimular as vendas no período de 6 a 15 de setembro, oferecendo ofertas e descontos. (foto: Amanda Vieira/JP)

Após a polêmica em torno do fechamento do comércio no feriado de amanhã (7 de setembro), a Acipi (Associação Comercial e Industrial de Piracicaba) anunciou apoio a primeira edição da Semana do Brasil, uma campanha nacional, idealizada pelo Governo Federal, com o objetivo de estimular as vendas no período de 6 a 15 de setembro, oferecendo aos consumidores ofertas e descontos – uma Black Friday brasileira.

Para alavancar também o comércio local, a entidade decidiu incentivar as empresas piracicabanas a participarem da semana de promoções. Os empresários interessados em aderir devem preencher um formulário online disponível no site brasil.gov.br/semandadobrasil/souempresario com o nome fantasia da empresa, e-mail, CNPJ, endereço completo, segmento e descrição de como o empreendedor pretende colaborar com o projeto. Após o cadastro, será possível fazer o download do selo, do manual de identidade visual e dos materiais de divulgação.

A intenção, com a campanha, é movimentar a economia em um mês no qual o consumo tende a ser menor, como setembro, ao fomentar o turismo interno e as compras no varejo durante as comemorações da independência do país.

O objetivo principal é gerar mobilização nacional e percepção de união na sociedade. “É uma oportunidade que temos a mais para aquecer o comércio e um estímulo para melhorar a economia brasileira.

Iniciativas como essa contribuem para a geração de emprego e renda”, enfatiza o presidente da Acipi, Luiz Carlos Furtuoso. Criada pela Secom (Secretaria Especial de Comunicação Social da Presidência da República), a Semana do Brasil pretende se tornar uma data comemorativa fixa no calendário nacional a partir deste ano.

A ideia é inspirada na Black Friday dos Estados Unidos, ao unir patriotismo, comemorações cívicas e descontos exclusivos em produtos e serviços. Além das ofertas, lojistas podem aproveitar a oportunidade para apostar na ambientação de espaços físicos, decorando seus estabelecimentos com as cores verde e amarelo, e virtuais, com produtos e serviços temáticos, de forma a chamar a atenção dos clientes e estimulá-los na jornada de consumo.

Beto Silva
[email protected]