Acusado de feminicídio é preso pela Polícia Civil de São Pedro

Mulher foi morta em sua residência, em São Pedro (Claudinho Coradini/JP)

Um aposentado de 64 anos foi preso após ser acusado de matar sua companheira, uma manicure de 56 anos. O corpo da vítima foi localizado pelos familiares, no interior de sua residência, no bairro São Francisco, em São Pedro, na terça-feira (22). Ela tinha marcas de unha no pescoço e teria sido assassinada por esganadura. De acordo com a polícia, o suspeito fugiu após o crime, depois foi até a casa do filho e pediu que tratasse do cachorro, pois tinha feito algo com a sua mulher. A Polícia Civil da cidade começou a investigação e desde o início, o aposentado foi considerado como o principal suspeito, pois teria sido visto por vizinhos saindo de casa com malas nas mãos.

Na apuração, coordenada pelo delegado Marcel Oliveira de Souza, os investigadores conseguiram chegar até um endereço no Centro de Capivari, onde o suspeito foi localizado na noite, do mesmo dia. Com o suspeito, os policiais teriam apreendido um celular, que será analisado pelos peritos do IC (Instituto de Criminalística).

Segundo o boletim de ocorrência, o acusado teria informado para um advogado que atuará na defesa que estava arrependido. Ele teria fugido para Capivari, mas pretendia se entregar nos próximos dias.

O delegado conseguiu na Justiça o mandado de prisão temporária decretado pelo período de 30 dias. O aposentado vai responder pela acusação de feminicídio. Ele foi levado à carceragem, onde ficará à disposição da Justiça.

 

Cristiani Azanha

[email protected]