Alvo de protestos, Bolsonaro defende liberdade de expressão

Alvo de protestos, Bolsonaro defende liberdade de expressão
Fonte: Agência Brasil

Alvo de protestos neste sábado (20), o candidato pelo PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro, defendeu nas redes sociais a liberdade de imprensa e de expressão. Em meio a denúncias sobre a propagação de fake news, ele disse que cabe a cada um “decidir no que acreditar”.

“Defendemos a liberdade de imprensa e internet, pois trata-se de livre expressão e cabe às pessoas decidir no que acreditar, filtrando e buscando informações.”

O candidato criticou qualquer forma de controle. “Controlar estes meios, como quer abertamente a esquerda, faz parte do processo de implementação de um estado totalitário.”

Fake news

Bolsonaro agradeceu seus seguidores no Twitter que usam a hashtag #BolsonaroSim, em oposição à #elenão bastante usada nas manifestações deste sábado. “Estamos chegando aos 2 milhões de inscritos em nosso canal no Youtube. Muito obrigado a todos pela consideração! Vamos juntos mudar o Brasil.”

Celebridades

O candidato postou, no Twitter, uma foto dele com a atriz Fernanda Venturini e amigas que apoiam sua candidatura. Alguns artistas e atletas indicaram que pretendem votar em favor de Bolsonaro, como o ator Alexandre Costa, deputado eleito pelo Rio de Janeiro, o jogador Jadson, o lutador Wanderlei Silva e o cantor Amado Batista.

Alvo de protestos, Bolsonaro defende liberdade de expressão