Após chuva, árvore cai e danifica tubulação de água no Alemães

Ainda, segundo a Defesa Civil, uma trinca aberta na calçada, devido a construção de um prédio de 20 andares, colaborou para que a árvore perdesse sustentação e viesse ao chão. (Foto: Claudinho Coradini/JP)

Uma árvore caiu no final da tarde do último domingo (1º) e gerou transtornos aos moradores do bairro dos Alemães. No momento da queda, chovia forte e, segundo informou a Defesa Civil, esse foi um dos motivos para a queda da árvore no cruzamento das ruas Febeliano da Costa e São João.

Ainda, segundo a Defesa Civil, uma trinca aberta na calçada, devido a construção de um prédio de 20 andares, colaborou para que a árvore perdesse sustentação e viesse ao chão.

Conforme apurado pela reportagem junto a moradores da região, além da queda da árvore, outro transtorno foi a falta de água já que as raízes da árvore rompeu a tubulação de água. “O Semae (Serviço municipal de Água e Esgoto) já fechou o fornecimento para a região afetada e trabalha para resolver o trabalho mais rápido possível”, disse Odair de Melo, diretor da Defesa Civil.

Segundo ele, a Semuttran esteve no local, organizou o trânsito, bem como os devidos desvios para orientar os motoristas. “A rua deve ficar por volta de 10 dias com interdição total para realização da obra. A medida será tomada por questões de segurança”, completou.

O taxista, José Amorim, tem ponto naquela rua e ouviu o barulho na hora que a árvore caiu. “Na primeira vez fiquei na minha, depois me assustei e fui ver o que acontecia e a árvore já tinha caído”, comentou.

O taxista reforçou que a construtura já havia cortado um pouco da raiz da árvore e acredita que isso “pode ter a deixado debilitada”. “Graças a Deus não foi em um dia de semana. Aqui, aos domingos, o fluxo de carros e pessoas é bem pequeno”, completou.

Conforme informou Odair de Melo, até o final da tarde de ontem a árvore já teria sido removida para início dos trabalhos e reparos da tubulação e da via.

 

Isabella Ercolin
[email protected]