Após temporal, São Paulo amanhece em estado de atenção para alagamentos

Após o temporal que atingiu a cidade de São Paulo na tarde desta segunda-feira, 12, esta terça-feira, 13, amanheceu com chuva e estado de atenção para alagamentos na capital.

Segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), a zona sul e a Marginal do Pinheiros entrou em atenção às 5h10. As zonas leste, sudeste, oeste, norte, centro e Marginal do Tietê entraram em estado de atenção às 5h35.

Áreas de instabilidade vindas do interior provocam chuva forte em toda a cidade. Raios e rajadas de vento predominam nessas regiões também.

Às 5h24, o Corpo de Bombeiros registrou uma queda de árvore em via pública na Avenida Professor Ida Kolb, altura do número 225, na Casa Verde. A corporação se deslocou ao local para atendimento.

Nesta segunda-feira, os bombeiros contabilizaram 30 quedas de árvores e, segundo a Eletropaulo, o temporal deixou 288 clientes de 15 bairros nas zonas norte, oeste e em parte de Osasco, na Grande São Paulo, sem luz.

Previsão

Segundo a Climatempo, a previsão para esta terça-feira é de sol com muitas nuvens e pancadas de chuva à tarde e à noite. A temperatura mínima é de 20ºC e a máxima é de 29ºC.

De acordo com o CGE, as temperaturas aumentam na Grande São Paulo. Os termômetros devem variar entre mínimas de 20°C e máximas de 32°C. No final da tarde, a nebulosidade aumenta com a chegada da brisa marítima, o que favorece a ocorrência de chuvas na forma de pancadas isoladas.

Os próximos dias seguem com condições típicas de verão, ou seja, sol e calor com chuvas isoladas no final das tardes.