Artista local recebe prêmio de destaque em SP

SP Elson de Belém receberá homenagem no domingo. ( Foto: Amanda Vieira/JP)

O locutor, produtor cultural, diretor teatral e técnico em artes cênicas Elson Ferreira Viana, o Elson de Belém, recebe domingo (2) o prêmio da categoria Artista em Destaque pelo 7º Prêmio da Rádio Cotia, por meio de suas atividades profissionais de grande valia para a sociedade. De acordo com o artista, é a primeira vez que recebe esse tipo de prêmio e, em entrevista ao JP, destacou como uma forma de reconhecimento de sua trajetória profissional. A solenidade acontece na Casa dos Artistas “Biroska”, em Santa Cecília (SP).

Natural de Belém, Elson teve suas raízes no teatro na Cia Gents‘PA do Sesc, em Belém do Pará. “Sempre quis me envolver com atividades assim. Me recordo que também participei do programa do Chacrinha em 1982, o que me fez, ainda mais, querer ir pra frente. ‘Boneca de Louça’, de Érico Veríssimo, foi a minha primeira peça. Eu não tinha nenhuma experiência, mas mesmo assim fui. Sempre quis fazer tudo que envolvia a expressão, como a arte e a dança. Desde então fiz várias atividades ainda em Belém”, contou.

De acordo com Elson, quando veio para Piracicaba, onde sua irmã morava, a sua vida se transformou por meio do reconhecimento que a cidade lhe deu. Para ele, a mudança foi um divisor de águas em sua carreira. “Meu primeiro emprego foi como porteiro no Jornal de Piracicaba e posso dizer que, aos poucos, fui conseguindo os contatos na cidade. Tenho muito orgulho de falar que foi aqui que eu conheci pessoas e estas abriram um leque de oportunidades na minha vida”, contou.

Especializou-se na arte de contar histórias com a temática sobre as Lendas Amazônicas. Na área de locução, criou o Programa de rádio Cultsocial, exibido pela Rádio Pira e foi um dos apresentadores do Programa Recanto do Nordeste, da Rádio Difusora de Piracicaba. Elson ficou e, ainda, é muito famoso por seus personagens como ator performático. Dentre eles estão Xérozinho (nordestino), Iêpa tatá (indio), Seboso (palhaço), Antonino Pauzulo, Vó Nhaca, Vania Latanza, Drizza Talitá, Teroca, cover de Charles Chaplin, e o mais fomoso que faz ligação com a Fafá de Belém, sua personagem Fiofhó de Belém (a caboclinha dos igarapés). “Confesso que sempre fui muita fã da Fafá, e para criar essa personagem lá em Belém, me inspirei na cantora. Com isso faço um show de ligação com o público com nuances da cantora. Consegui falar com a cantora e ela me deu a autorização para poder usar o Belém no nome artístico. Me senti muito feliz”.
O prêmio, para o cantor, é uma forma de brindar. Hoje, como representante do Sindicato dos Artistas de São Paulo, consegue notar, o quanto é preciso valorizar o artista, tanto para si próprio quanto para os outros ao seu redor. “Aqui eu fui acolhido e pretendo não sair. Belém está dentro de mim e nunca vai sair. É um momento de celebração”, completa Elson.

 SERVIÇO – Entrega do prêmio Artista em Destaque para Elson de Belém, no próximo domingo (2), às 18h30, em Biroska, na Casa dos Artistas em Santa Cecília (SP), à rua Canuto do Val, 09 – Santa Cecília. O interessado deve confirmar presença até amanhã (29) pelo telefone (11) 9.7306-1004. O ingresso custa R$ 30.

(Ana Caroline Lopes)