Autoridades do Mali entregam líder jihadista

O Tribunal Penal Internacional informou que autoridades no Mali entregaram um líder jihadista para acusação por crimes de guerra. Al Hassan Ag Abdul Aziz Ag Mohamed Ag Mahmoud é acusado de crimes contra a humanidade supostamente cometida em Timbuktu, enquanto a cidade estava sob controle de extremistas entre abril de 2012 e janeiro de 2013.

Em um comunicado divulgado na noite de sábado, o promotor do TPI, Fatou Bensouda, disse que Hassan foi acusado de perseguição por “motivos religiosos e de gênero”. Essas alegações incluem estupro e escravidão sexual por meio de casamentos forçados.