Baterista Alexandre Cunha ministra palestra

palestra De acordo com Cunha, a evolução rítmica é demonstrada em todos os instrumentos, não somente para quem toca bateria. ( Foto: Alex Espricigo)

Como parte da programação do Som Maior Festival, ocorre hoje, às 14h, no Sesc, palestra com o baterista campineiro Alexandre Cunha, que tem cerca de 30 anos de carreira. Na ocasião, ele fala sobre a interação entre os instrumentistas de uma banda para melhoria da parte rítmica. Além disso, aborda estudos teóricos e práticos do tema, incluindo dinâmica com os presentes, envolvendo variados ritmos, como samba, baião, afoxé, pop, rock e jazz. A entrada é gratuita.

De acordo com Cunha, a evolução rítmica é demonstrada em todos os instrumentos, não somente para quem toca bateria. “Tratarei de alguns assuntos como ilusão rítmica, que é uma coisa que serve para qualquer instrumento, não está limitada apenas à bateria. Sempre sou convidado pelo Som Maior e agradeço à oportunidade de passar um pouco da minha experiência para os alunos. Acredito que assim posso motivar e inspirar alguns deles a investir na carreira musical, a persistir”, disse.

Com encontros mensais de agosto a novembro, o Som Maior reúne jovens interessados em música, que formam suas bandas e recebem dicas de grandes músicos do cenário brasileiro. É idealizado e realizado pela pianista Regina Gomes.

MÚSICO — Em 1995, Cunha recebeu convite para tocar na Alemanha, onde permaneceu até 1998. “Lá, toquei com músicos do mundo inteiro, aprendi a rotina de ensaios, dos shows. Convivia com artistas de diferentes nacionalidades e foi isso que impulsionou a minha carreira”, relembrou o músico.

SERVIÇO — Som Maior Festival. Palestra com Alexandre Cunha. Hoje, às 14h, no Sesc (rua Ipiranga, 155, Centro). Entrada gratuita. Informações: (19) 3437-9292.

(Raquel Soares)