ÚLTIMOS ARTIGOS

Apeoesp, 75 anos!

Nesta segunda-feira, 13 de janeiro, transcorreram-se os 75 anos de fundação da Apeoesp, em Congresso de professores realizado em 1945 na cidade de São Carlos, sob a denominação de Apesnoesp (Associação dos Professores do Ensino Secundário e Normal do Estado de São Paulo). Em 1973, passou a denominar-se Apeoesp (Associação dos Professores do Ensino Oficial […]

Rude e Bela

Fosse o velho professor, em tom jocoso, quem grafasse errado alguma palavra, os leitores do JP ficariam em polvorosa nesta manhã domingueira, mesmo entendendo que errar é humano. A autoridade da Educação, no entanto, rapidamente impediu a veiculação de seu texto nas redes sociais dando-se, a si mesmo, “habeas corpus” linguístico, condenando a língua ao […]

A chave dos incômodos existenciais

“Felicidade é quando o que você pensa, o que você diz e o que você faz estão em harmonia”. (Mahatma Gandhi). Você consegue afirmar que vive esta frase? Se a resposta for qualquer coisa diferente de “sim”, aí pode estar a “chave” dos seus problemas e dos seus incômodos existenciais mais profundos. Hoje vamos entender […]

Os compromissos de 2020 da Câmara de Piracicaba

Mais acessível, mais participativa, com uma gestão mais moderna, estrutura otimizada e funcional para dar condições aos vereadores de exercerem suas funções e aos servidores de contribuírem com a construção de um parlamento que atenda às expectativas da sociedade. No ano que acabou, conseguimos avanços significativos nestes temas. No campo da acessibilidade, atuamos no planejamento […]

Merenda escolar como política de Estado

Reportagem da Folha de S. Paulo publicada em 02.01.20 mostrou o balanço da Operação Prato Feito, deflagrada pela Polícia Federal em 2018 para apurar desvios em contratos para fornecimento de alimentação para escolas públicas de 50 municípios paulistas. 154 pessoas, entre agentes públicos e empresários, foram indiciadas. Dentre elas, 13 prefeitos. Estima-se que 1,6 bilhão […]

Tempo novo?

Há, na madrugada, enquanto escrevo, um bem-te-vi que canta. Não me vê, mas saúda com alarde, num trinar sonoro, a mim e a quem se disponha ouvi-lo, fazendo-me saber de sua alegria ao amanhecer reencontrando outros pássaros no espaço onde vive. Dentre tantos gorjeios, os bem-te-vis respondem, celebrando a vida. Copio, nesta manhã, o pássaro […]