Bolsonaro, João Dória e Eduardo Suplicy lideram intenções de voto

população Eleitores têm 2 meses para escolher representantes.

Pesquisa para as Eleições 2018, realizada pela CNT/MDA (Confederação Nacional do Transporte), entre os dias 02 e 05 de agosto, divulgou as intenções de voto para presidente da República, governador e senador em São Paulo. Os pesquisadores ouviram 2.002 entrevistados, distribuídos em 75 municípios de todas as regiões do Estado. Sem o Lula (PT) na pesquisa, Jair Bolsonaro (PSL) lidera as intenções de voto.

A pesquisa CNT/MDA abordou dois possíveis cenários para a disputa ao cargo de presidente da República em primeiro turno, sendo um com a participação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e outro sem a sua presença no pleito.

pesquisa
Pesquisa da CNT/MDA foi realizada de 2 a 5 de agosto em 75 municípios; foram ouvidas 2002 pessoas.

No primeiro cenário da pesquisa estimulada apresentada aos eleitores, Lula (PT) aparece com 21,8% das intenções de voto, e Jair Bolsonaro (PSL) vem atrás com 18,4% dos votos. Em seguida, aparece Geraldo Alckmin (PSDB), com 14,0%; Marina Silva (Rede), com 6,7%; e Ciro Gomes (PDT), com 5,0% das intenções de voto. A soma de votos em branco, nulos e de indecisos é de 26,8%.

No segundo cenário sem o ex-presidente Lula, o candidato Jair Bolsonaro (PSL) aparece com 18,9% dos votos. Em segundo vem Geraldo Alckmin (PSDB), com 15,0%, seguido de Mariana Silva (Rede), com 8,4%; Fernando Haddad (PT), com 8,3%; e Ciro Gomes (PDT), com 6,0% das intenções de voto. Votos em branco, nulos e de indecisos somam 34,5%.

Para o governo do Estado de São Paulo, a pesquisa coloca o candidato tucano João Dória, na frente. Ele aparece com 16,4% das intenções de voto, seguido por Paulo Skaf (MDB), com 16,2%. Depois, vêm o atual governador Márcio França (PSB), com 5,0%, e Luiz Marinho (PT), com 4,8% das intenções de voto.

No caso de segundo turno, se a disputa for entre João Dória e Paulo Skaf, o candidato do MDB aparece na frente com 29,7%, e o tucano obtém 26,8% das intenções de voto. Votos em branco, nulos e de indecisos somam 43,5%.

Se a disputa for entre João Dória e Márcio França, o candidato tucano obtém 31,2% dos votos contra 20,6% para o atual governador de São Paulo. Votos em branco, nulos e de indecisos somam 48,2%.

Se o segundo turno for disputado entre João Dória e Luiz Marinho, Dória obtém 33,6%, e Marinho possui 17,6% das intenções de voto. Votos em branco, nulos e de indecisos atingem 48,8%.
Se a disputa de segundo turno for entre Paulo Skaf e Márcio França, Skaf venceria com 30,8% contra 17,9% de França. Votos em branco, nulos e de indecisos chegam a 51,3%.
Caso o cenário no segundo turno apresente os candidatos Paulo Skaf e Luiz Marinho, o emedebista aparece com 35,6% contra 13,2% do petista. Votos em branco, nulos e de indecisos somam 51,2%.

SENADO
Aos entrevistados da pesquisa CNT/MDA também foram apuradas as intenções de voto dos eleitores paulistas para o compor os representantes do Senado. Na pesquisa, Eduardo Suplicy (PT) tem 24% da preferência dos eleitores e o nome da emedebista Marta Suplicy é lembrada em segundo lugar com 16,7%. No entanto, ontem, em entrevista à Rádio Eldorado de São Paulo, a senadora anunciou que não será candidata nas eleições 2018 e deixou o MDB. Em terceiro lugar na pesquisa aparece Mário Covas Neto (Podemos), com 12,9%, seguido do Major Olímpio (PSL), com 11,0%.
A pesquisa constatou que entre os paulistas pesquisados, 50,4% afirmaram ter pouco ou nenhum interesse nas eleições gerais de 2018 e que 21,7% afirmaram ter muito interesse no pleito. Entre os eleitores entrevistados, 67,9% disseram que conhecem pouco ou nada sobre os candidatos ao governo do Estado.

Sobre o interesse em conhecer um pouco mais de cada candidato, 18,1% dos entrevistados afirmam que já realizaram algum tipo de pesquisa na Internet/Google, e 54,0% disseram que pretendem pesquisar.

A margem de erro da pesquisa é de 2,2 pontos percentuais para mais ou para menos. A pesquisa foi registrada no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) sob os números SP-04729/2018 e BR-05911/2018.

 

(Fernanda Moraes)