Bombeiros ainda estão no Museu para evitar eventuais focos de incêndio

Bombeiros ainda estão no Museu para evitar eventuais focos de incêndio
Fonte: Agência Brasil

Três dias após o incêndio que destruiu a maior parte do Museu Nacional do Rio de Janeiro, o Corpo de Bombeiros ainda está no local, no Parque Nacional da Quinta da Boa Vista, em Benfica, zona norte da capital fluminense. Um grupo de 12 homens, de quatro unidades operacionais, trabalha com o apoio de quatro viaturas.

A preocupação dos bombeiros é evitar quaisquer ameaças e eventuais focos de incêndio sobre os escombros. Os militares trabalham também na chamada operação de rescaldo e vistoria do prédio e dos anexos.

Já o trabalho de recuperação das peças dos mais distintos acervos estará a cargo dos pesquisadores e funcionários do Museu Nacional do Rio. No local, havia mais de 20 milhões de itens. Um levantamento preliminar indica que a maior parte foi incinerada.

Bombeiros ainda estão no Museu para evitar eventuais focos de incêndio