Campanha garante 30 novos doadores de sangue ao Hemonúcleo

doar Edilson Lucas é um dos colabora dores que doaram sangue. (Foto: Divulgação/JP)

A campanha “Doar Sangue é Salvar Vidas” idealizada pela Águas do Mirante conseguiu 30 novos doadores de sangue para o Hemonúcleo de Piracicaba. A ação, segundo a concessionária do esgoto sanitário municipal, aconteceu nesta semana em alusão ao Dia do Voluntário (28), e integra o projeto social da empresa. Ontem, cinco funcionários participaram e serviram de exemplo para a campanha, que segue até sexta-feira (31), e é organizada por meio do Programa Interage, desenvolvido nas empresas da Aegea Saneamento.

Antes de iniciarem a doação, na semana passada, a assistente social do Hemonúcleo, Kelly Cristina Borges, ministrou palestra orientativa e esclareceu dúvidas sobre a doação de sangue. De acordo com a coordenadora de Responsabilidade Social da Águas do Mirante, Maria Aparecida Draheim, o hemonúcleo sempre precisa de doações.“Aproveitamos o mês de agosto para reforçar esta ação social em nossa empresa por meio de conversas com os colaboradores, bem como de palestra orientativa e de esclarecimento de dúvidas”, declarou ela ao lembrar que desde a semana passada os colaboradores tem se cadastrado para esta atividade.

Dos 30 inscritos, número duas vezes maior que o da ação de 2017, cinco já doaram e o restante deve fazer a doação ao longo da semana. “Fragmentamos os grupos para não prejudicar a execução dos serviços prestados à comunidade, já que após a doação eles recebem um café especial e vão para casa. É importante lembrar que o Semae tem dado grande suporte a esta campanha e alguns servidores também integram a ação que, além dos inscritos, terá a participação dos diretores da empresa”, salientou.

Conforme lembrou Kelly Borges, o estoque do banco de sangue está estável, porém os tipos que requerem mais atenção no momento são os sangues O e A negativos. “Ações em parcerias com empresas são extremamente importantes para manutenção do estoque e incentivam novos doadores. A palestra que realizamos antes tem o objetivo de diminuir o número de bloqueios pessoas que naquele momento não podem doar e o de esclarecer dúvidas sobre o processo de doação”, disse.

Apesar da ação, a coleta no hemonúcleo segue normalmente. “Temos o dia de sábado que é específico para as coletas externas, em outras cidades, empresas ou entidades. Nosso foco é o de recebermos mais doadores ao longo da semana”, disse.

(Felipe Poleti)