Candidato ao governo, Doria diz que disputa em SP será voto a voto

Candidato ao governo, Doria diz que disputa em SP será voto a voto
Fonte: Agência Brasil

O candidato ao governo do estado de São Paulo João Doria (PSDB) votou às 9h no Colégio St. Paul’s, em São Paulo. Acompanhado da senadora eleita Mara Gabrilli (PSDB) e da deputada eleita Joice Hasselmann (PSL), Doria disse que o embate do segundo turno com o adversário Márcio França (PSB) está acirrado.

“Estamos tecnicamente empatados, temos vindo assim desde o início do segundo turno. Ninguém tinha dúvidas de que seria uma campanha acirrada”, afirmou. Doria acrescentou que a apuração hoje à noite será emocionante e que a disputa será “voto a voto”.

Brasília - O prefeito de São Paulo, João Doria, fala à imprensa após reunião com o presidente do Senado, Eunício Oliveira (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

Doria disse que eleição em São Paulo é das mais disputadas até o último voto   (Arquivo/Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

Ele comentou os resultados das últimas pesquisas, que apontam ligeira subida de seu adversário. “Eu não desqualifico pesquisa, mas a melhor pesquisa é o voto, aquele que vai digitado na urna e que, ao final da eleição, é computado”, disse.

“Eu só tive um motivo para entrar para a vida pública: lutar contra as esquerdas, contra o PT, contra aquilo que foi um dano ao nosso país”, argumentou.

Após votar, Doria vai acompanhar a votação do seu candidato a vice-governador, Rodrigo Garcia, e da senadora Mara Gabrilli, em São Paulo. À noite, Doria verá a apuração eleitoral no Clube Homs, na Avenida Paulista.

Candidato ao governo, Doria diz que disputa em SP será voto a voto