Capitão da Fiorentina, Davide Astori é encontrado morto no hotel

Uma tragédia abalou o futebol italiano na manhã deste domingo. Capitão, zagueiro da Fiorentina e jogador com passagens pela seleção italiana, Davide Astori foi encontrado morto em um quarto de hotel em Údine, onde a equipe estava concentrada para enfrentar a Udinese, pelo Campeonato Italiano. O atleta tinha apenas 31 anos.

“A Fiorentina está profundamente abalada por ser forçada a anunciar que seu capitão Davide Astori faleceu, vítima de uma doença súbita. Por essa terrível e delicada situação, e acima de tudo por respeito a sua família, nós apelamos para a sensibilidade de todos”, publicou o clube italiano em suas redes sociais.

Embora a Fiorentina não tenha fornecido mais detalhes, a mídia italiana informou que o atleta morreu enquanto dormia. Os demais jogadores do clube teriam descido para o café da manhã e, ao não verem a presença de Astori, subiram para chamá-lo em seu quarto. Descobriram, então, que ele havia falecido.

Em virtude da tragédia, toda a rodada deste domingo foi adiada, segundo informou a liga italiana em seu Twitter. “Todos os jogos de hoje (domingo) foram adiados em sinal de luto. Tchau, Davide.”

A liga ainda utilizou o seu site para lamentar a tragédia e prestar solidariedade aos familiares. “O mundo do futebol acordou nesta manhã com uma tragédia: em Údine, morreu Davide Astori, capitão da Fiorentina”, publicou. “A Liga Série A exprime sua tristeza e as condolências à família, à companheira Francesca e à pequena Vittoria.”

Revelado pelo Milan, Davide Astori despontou no Cagliari e chegou a ser convocado para a Copa das Confederações de 2013, realizada no Brasil. Passou, depois, por Roma e foi contratado em definitivo pela Fiorentina, clube onde se tornou ídolo e capitão.