Carreta do Hospital Ilumina inicia avaliação de câncer de boca

Os exames preventivos e de diagnósticos são feitos em parceria com a FOP Unicamp (Foto: Divulgação)

A Carreta do Hospital Ilumina iniciou os exames para detecção do câncer de boca. A unidade móvel mantém um consultório para o exame, feito em cerca de 10 minutos. Conforme o professor Márcio Lopes, coordenador do Orocentro da Faculdade de Odontologia da Unicamp – parceiro da Fundação Ilumina há mais de 10 anos – o câncer de boca é silencioso. “Em sua fase inicial ele não tem sintomas e, por isso, em 80% dos casos só é descoberto em estágio avançado”. O professor destaca que esse tipo de câncer tem como características os hábitos das pessoas e não a hereditariedade. “Antes a proporção da doença era de 10 homens para 1 mulher, porque os homens fumavam e bebiam mais do que as mulheres. Hoje, essa proporção caiu de 3 para 1, porque as mulheres estão fumando e bebendo mais”.

As pessoas acima de 40 anos, que fumam ou bebem serão sensibilizadas nos Postos de Saúde e nas Unidades Básicas de Saúde e convidadas a fazer o exame na carreta. Além disso, quem quiser, pode seguir diretamente para a carreta e solicitar o exame, que será feito pelos alunos da pós-graduação da Faculdade de Odontologia da Unicamp, às quartas-feiras, das 8h às 12h.

Além da parceria com a Faculdade de Odontologia da Unicamp, o trabalho conta com o apoio da Prefeitura Municipal de Piracicaba, da Secretaria de Saúde de Piracicaba e da Uniodonto.

Para a coordenadora de Saúde Bucal do Município, Dirce Valério da Fonseca, o atendimento na Carreta aproxima mais o usuário. “Esse atendimento facilita o trabalho das equipes de saúde bucal no entorno da carreta, permitindo atender a grande demanda, além de informar e motivar as equipes sobre o tema câncer bucal, possibilitando o atendimento na fase inicial da doença”.

A Carreta do Ilumina está atrás do Hospital Ilumina de Prevenção e Diagnóstico Precoce do Câncer, na rua Eucrydes Lopes – Altos do Taquaral.

Da Redação