Caxemira é alvo de protestos contra domínio da Índia

Protestos mortais contra o domínio indiano eclodiram em vários partes da Caxemira controladas pela Índia neste domingo, após as mortes de ao menos oito rebeldes em combates com as forças do governo, disseram autoridades. Ao menos dois soldados do exército também foram mortos nos combates.

A nova rodada de protestos e confrontos contra a Índia, que levou ao assassinato de pelo menos dois civis, ocorre depois de tropas indianas lançarem operações contra a insurgência, visando principalmente as partes do sul da Caxemira, onde os rebeldes da nova era reavivaram a militância e desafiaram o governo de Nova Deli com armas e por meio do uso efetivo de redes sociais.

A batalha no sul da Caxemira começou durante a noite, depois que as forças do governo invadiram duas aldeias após uma dica de que os rebeldes estavam escondidos lá, informou a polícia.

A polícia disse que os militantes tentaram escapar de um cordão de segurança enquanto atiravam suas armas e granadas, mas foram mortos nos combates que se seguiram.