Chuva rápida causa alagamento embaixo de viaduto na 1º de Agosto

chuva Uma viaduto da Polícia Civil ficou presa na água e policiais tiveram que abandonar o veículo. ( Foto: Divulgação)

A chuva que atingiu Piracicaba na tarde de quarta (14), causou alagamento e derrubou uma árvore. De acordo com a Defesa Civil, choveu 22 milímetros em três horas. O volume é considerado normal pelo secretário executivo da Defesa Civil, Odair Mello, mas suficiente para alagar um trecho da avenida 1º de Agosto, na região do Areão. Segundo o motorista Roberto Sega, qualquer precipitação causa o transtorno pela baixa vazão das águas pluviais, que descem a via. Devido ao alagamento no trecho, uma viatura da Polícia Civil parou no meio da água e precisou ser rebocada. No bairro Santa Rita, uma árvore caiu na avenida Dorival Cruz Lima e o trânsito foi interditado. Não houve vítimas.

Não houve registros de outros pontos de alagamentos na cidade durante a chuva e, até o final da tarde de ontem, a Defesa Civil não tinha registros de outras quedas de árvores. Equipes da Sedema (Secretaria de Defesa do Meio Ambiente) irão hoje ao bairro para concluir a limpeza da avenida. O secretário executivo lembrou que nas ocorrências de chuva e tempestades, as secretarias e outros setores municipais têm trabalhado em parceria com o Corpo de Bombeiros no atendimento às ocorrências, uma forma de agilizar os trabalhos.

No alagamento de ontem, equipes da Semuttran (Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte) atuaram na interdição da via e na retirada do veículo policial. A ação levou alguns minutos e o tráfego na via só foi liberado mais tarde.

Sega, que trabalha num posto de combustíveis na avenida, disse que a chuva durou 15 minutos, mas a água subiu um metro e meio debaixo do viaduto. “Para acontecer isso, infelizmente, não precisa muito”, contou Sega.

De acordo com o Climatempo, a previsão para Piracicaba neste feriado é de sol, com muitas nuvens à tarde e com pancadas de chuva. Segundo o site à noite, haverá mais pancadas de chuva.

(Beto Silva)