,
Clique e
assine o JP
Televendas: 3428-4190
Classificados: 3428-4140
Comercial: 3428-4150
Redação: 3428-4170
Últimas notícias:
  • Regina Volpato volta à TV aberta após 5 anos
  • As herdeiras do mundo da moda
  • Rio perde dois patrimônios de sua cultura

Vacinação contra a gripe atinge 83 mil pessoas, mas segue abaixo da meta
Felipe Ferreira
19/06/2017 11h49
  |      
ENVIAR     IMPRIMIR     COMENTE              
 
145.jpg

Campanha de vacinação contra gripe permanece até que sejam esgotadas as doses (Foto: Arquivo/JP)

Balanço mais recente da Secretaria da Saúde aponta que, desde o início da vacinação contra a gripe, 83.215 pessoas foram imunizadas em Piracicaba.

A meta do Ministério da Saúde, no entanto, ainda não foi atingida.

Foram vacinados na cidade 59,1 mil indivíduos que integram o público-alvo originalmente estabelecido na vacinação deste ano, o que corresponde a 70% da cobertura — o ideal seria 90%.

Desde a ampliação da cobertura vacinal para toda a população, na semana passada, foram vacinadas 12,5 mil pessoas que não pertencem a nenhum dos grupos de risco.

Oficialmente, a imunização foi prorrogada pelo MS até o dia 23 de junho, mas no município, as doses permanecerão disponíveis em todas as unidades de saúde até o fim dos estoques.

A Vigilância Epidemiológica Municipal observou um aumento na procura por parte dos indivíduos que antes não estavam inclusos nos grupos com direito a vacina, porém, o volume de doses aplicadas ainda não é suficiente para atingir a cota mínima de vacinação na cidade.

Além das pessoas que foram vacinadas com a universalização das doses, na reta final da campanha, foram imunizados também 9.432 pessoas com alguma comorbidade e mais 2.141 professores da rede pública e privada.

O publico com maior cobertura foi o idoso (83,14%) e com menor, o de crianças com até 5 anos (48,6%).

RELEMBRE — Lançada em 17 de abril, a campanha de vacinação contra a gripe seria encerrada em âmbito nacional em 26 de maio. Por conta da baixa procura no país — à época 59% do público- alvo havia sido imunizado em Piracicaba — o Ministério da Saúde prorrogou a campanha até 9 de junho.

Mesmo com uma série de mutirões de vacinação nas áreas urbana e rural, e com a abertura da campanha a população em geral, em 5 de junho, a meta não foi atingida.

Na semana passada, ainda antes da mais recente prorrogação da campanha, a Secretaria da Saúde decidiu ampliar a imunização para todos os públicos.

Na ocasião, o secretário de Saúde, Pedro Mello, avaliou como acertada a decisão do município de oferecer a vacina até o término dos estoques.

“Defendo desde o início que toda a população deveria ter acesso à vacina contra a gripe na rede pública, o que não aconteceu ao longo da campanha. Devido à baixa procura por parte dos grupos prioritários, ampliamos a oferta e esperamos que a população se sensibilize sobre a importância da vacina como prevenção”, afirmou.

Mello destaca a importância da prevenção. “As pessoas devem aproveitar esta oportunidade para se proteger antes da chegada do inverno. É uma decisão responsável, que ajuda a evitar mortes por complicações decorrentes de problemas respiratórios”, disse.

 
 
Voltar

Comentários

Nome:
E-mail:
Comentário:
 

  • Seja o primeiro a comentar