,
Clique e
assine o JP
Televendas: 3428-4190
Classificados: 3428-4140
Comercial: 3428-4150
Redação: 3428-4170
Últimas notícias:
  • Todos os presidentes que ganharam filmes no País
  • Retrospectiva de Rodrigo Andrade está entre as dicas de exposições da semana
  • Ocimar Versolato morre aos 56 anos em São Paulo

Prefeito de Americana defende VLT até Piracicaba
Felipe Poleti
06/12/2017 11h53
  |      
ENVIAR     IMPRIMIR     COMENTE              
 
Durante visita do presidente Michel Temer (PMDB) a Americana para entrega de casas populares, no último sábado (2), o prefeito daquela cidade, Omar Najar (PMDB), pediu a implantação de um metrô de superfície — o chamado VLT (Veículo Leve sobre Trilhos) — que ligaria o município a Piracicaba, passando por Santa Barbara d’Oeste, por meio de documento entregue pessoalmente.
 
“Foi proposto que o Governo Federal verificasse a possibilidade de viabilizar um VLT que ligue as três cidades. É apenas um pedido, ainda inicial, pela viabilização do projeto”, informou a assessoria de imprensa da Prefeitura de Americana. Ainda segundo nota, não houve uma conversa oficial entre as cidades para discussão de parcerias e futuros investimentos “Tudo isso depende da disponibilidade do Governo Federal e da capacidade econômica para colocar os projetos em prática.”
 
Conforme destacou o prefeito de Piracicaba, Barjas Negri (PSDB), há alguns meses aconteceu um seminário em São Paulo sobre a malha ferroviária paulista e a Prefeitura de Piracicaba foi representada pelos secretários de Trânsito e Transportes, Jorge Akira, e de Obras, Arthur Ribeiro. “Na ocasião, Piracicaba levantou a necessidade de reativação do ramal que liga o município à Sumaré e, consequentemente, ao porto de Santos”, disse.
 
Barjas lembrou que a discussão sobre a reativação desse ramal é antiga entre os prefeitos de Piracicaba, Santa Bárbara d’Oeste, Americana e Nova Odessa, que sempre se manifestaram positivamente com relação a esse assunto e sempre insistiam na reativação do ramal que estava concessionado à MRS Logística e, posteriormente, à ALL (América Latina Logística). “Agora que o prefeito de Americana, Omar Najar, levanta esse importante assunto, somos favoráveis porque a reativação faz parte da logística regional. Vale lembrar que o ramal, até o Taquaral, foi desativado pela ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres), mas permanece o trecho do Taquaral até Sumaré. Inclusive no Taquaral estava previsto fazer um terminal logístico de integração rodoviário/ferroviário”, completou.
 
Além disso, de acordo com Barjas, o Executivo local manifestou concordância com o prefeito de Americana, lembrando que Piracicaba é um grande polo exportador. “Temos a Caterpillar, que importa e exporta; a Hyundai e seus fornecedores, grandes importadores; a ArcelorMittal, a Cosan, a CJ, entre outras empresas. Portanto, a ativação do ramal, seja para carga ou para passageiro, virá beneficiar toda a região”, afirmou Barjas.
 
 
Voltar

Comentários

Nome:
E-mail:
Comentário:
 

  • Seja o primeiro a comentar