,
Clique e
assine o JP
Televendas: 3428-4190
Classificados: 3428-4140
Comercial: 3428-4150
Redação: 3428-4170
Últimas notícias:
  • Festa de Tupi será neste sábado; festejos de São João começam às 6h
  • Campanha de vacinação contra gripe termina sexta
  • TCE julga irregular contrato do Semae

Motociclista morre após bater em ônibus
Cristiani Azanha
12/06/2018 13h24
  |      
ENVIAR     IMPRIMIR     COMENTE              
 
O motociclista Wilson Guerreiro, 43 anos, morreu após se envolver em um acidente com um ônibus da Via Ágil, no bairro Pompeia, na tarde de sábado (09). O boletim de ocorrência foi registrado no plantão policial como homicídio culposo (sem intenção).
 
Segundo o boletim de ocorrência, o acidente aconteceu por volta das 13h30. O motorista do ônibus que fazia a linha do bairro Cecap trafegava com seu veículo pela avenida Rio das Pedras pela faixa da esquerda, mas, ao fazer a conversão para a rua Dom Aniger Francisco de Maria Mellilo, colidiu na motocicleta da vítima, que seguia pela mesma via pela faixa da direita. A vítima morreu na hora.
 
A Polícia Militar preservou o local até a chegada dos peritos do IC (Instituto de Criminalística) e, posteriormente, o corpo foi encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal) para a realização de exame necroscópico e só depois foi liberado aos familiares para providenciarem o sepultamento. O laudo para confirmar a causa da morte deverá ficar pronto no período de 30 dias.
 
O caso foi registrado no plantão policial, mas as circunstâncias do acidente com as respectivas responsabilidades serão apuradas posteriormente pelos policiais civis da UPJ (Unidade de Polícia Judiciária).
 
O ônibus foi liberado pelos representantes da empresa, enquanto a motociclista da vítima foi apreendida administrativamente pela Polícia Militar e depois encaminhado ao pátio do Detran (Departamento de Trânsito). 
 
 
 
OUTRO LADO — A empresa Via Ágil, informou, em nota, que lamenta profundamente o acidente fatal. “Nos solidarizamos com os familiares da vítima e estamos ao lado de nosso motorista, que está recebendo todo o suporte necessário”, cita o documento.
 
 
Voltar

Comentários

Nome:
E-mail:
Comentário:
 

  • Seja o primeiro a comentar