Cineclube Sesc exibe filmes que destacam o protagonismo feminino no cinema

O filme "Assim que abro os olhos" foi o preferido do público no Festival de Veneza O filme “Assim que abro os olhos” foi o preferido do público no Festival de Veneza

De 12 de março a 2 de abril, o Cineclube Sesc traz, sempre às terças, às 20h no Teatro da unidade, filmes que destacam o protagonismo feminino no cinema e deixaram marca na história do cinema mundial. Nas exibições obras que renderam premiações a suas diretoras. A entrada é gratuita, sendo necessária a retirada de ingresso com 1 hora de antecedência.

A programação inicia hoje (12), com “Assim que abro os olhos”. O filme apresenta o Verão de 2010 em Túnis, na Tunísia, alguns meses antes da Revolução de Jasmim. Enquanto o regime de Ben Ali cai, Farah (Baya Medhaffer), uma garota de 18 anos, se junta a uma banda de rock politizada e descobre o álcool, o amor e os protestos. Indo contra a vontade da mãe, Hayet (Ghalia Benali), que conhece os tabus do país, Farah mergulha cada vez mais nesse mundo, sem suspeitar do perigo de um regime político que a observa e se infiltra na sua privacidade. Para proteger a filha, Hayet fará o que for preciso, inclusive, reviver as feridas da sua própria juventude. O longa recebeu Prêmio do Público no Venice Days, Festival de Veneza. O filme é indicado para maiores de 16 anos.

Vencedor do Prêmio Ariel de Melhor Filme Ibero-Americano e vencedor de seis categorias no Grande Prêmio do Cinema Brasileiro, “Que horas ela volta?”será o filme apresentado na próxima terça (19).

Na sequência “Body” (26), vencedor do Prêmio do Público no Prêmio do Cinema Europeu e Urso de Prata de Melhor Direção no Festival de Berlim e para encerrar Encontros e Desencontros (2 de abril), indicado ao Oscar de Melhor Filme e Melhor Direção e que rendeu à diretora e roteirista Sofia Coppola o Oscar de Melhor Roteiro Original.