Cinema e psicanálise com o longa Fragmentado

filme Filme traz história de homem com 23 personalidades. ( Foto: Divulgação)

Como parte da parceria do Sesc com o Grupo Tear de Psicanálise, é exibido hoje, às 19h, no Sesc o filme Fragmentado de M. Night Shyamalan. O projeto Cinema e Psicálaise também convida Cleber José Aló de Moraes, doutorando em Psicologia pela PUC Campinas, psicoterapeuta, professor universitário com formação em psicanálise pelo CPCAMP, especialização em psicoterapia breve pela Extecamp/UNICAMP e Coordenador do Curso de Psicologia da Faculdade Municipal Prof. Franco Montoro de Mogi Guaçu para comentar sobre o filme. A entrada é gratuita e os ingressos devem ser retirados com uma hora de antecedência.

A trama tratá a história de Kevin que possui 23 personalidades distintas e consegue alterná-las quimicamente em seu organismo apenas com a força do pensamento. Um dia, ele sequestra três adolescentes que encontra em um estacionamento. Vivendo em cativeiro, elas passam a conhecer as diferentes facetas de Kevin e precisam encontrar algum meio de escapar.

“ Esse filme é realizado com muito suspense e um terror psicológico. Não possui cenas de violência explicita, mas ao mesmo tempo mostra esse jovem com essa percepção de si mesmo de maneira fragmentada como se fosse várias pessoas. Na conversa que iremos ter, vou retratar como se formariam essas pessoas hoje em dia. E principalmente, as crianças e adolescentes que são vítimas de violência e que como consequência podem acabar se tornando iguais. Focarei nos vínculos dentro das próprias famílias, a falta de vinculação e as pessoas que cuidam dessas crianças”, ressaltou Moraes.

O GRUPO -O objetivo do Grupo Tear de Psicanálise, formado pelas psicanalistas, Denise Benato Brock, Deise Basso e Silvia Toledo, é que a psicanálise se amplie num olhar através do cinema e faça com que esta amplitude, percorra a vida e sentimentos de cada espectador. A parceria com o Sesc Piracicaba se estende há 11 anos. Informações pelo telefone (19) 3437-9292.

(Ana Caroline Lopes)