Ciro pede que as pessoas votem sem ódio neste domingo

Ciro pede que as pessoas votem sem ódio neste domingo
Fonte: Agência Brasil

O candidato à Presidência da República pelo PDT, Ciro Gomes, defendeu hoje (6) que os eleitores votem amanhã (7) sem ódio. “O voto não é uma ferramenta de ódio, mas de construção.” “Temos 48 horas para que com a bênção de Deus ajudar a chegar neste caminho.”  Segundo ele, o caminho é da paz e do diálogo.

No último dia de campanha, Ciro Gomes participa de carreata em Fortaleza, capital do Ceará que ele governou, e encerra as atividades em uma caminhada em seu reduto eleitoral, a cidade de Sobral à tarde.

O candidato está confiante com a possibilidade de ir para o segundo turno das eleições.  “Vou chegar no segundo turno e vou unir a família brasileira”, disse. Em terceiro lugar (11%), segundo o Instituto Datafolha, Ciro aparece atrás de Jair Bolsonaro (PSL), que atingiu 35%, e Fernando Haddad (PT), com 22%.

Reforço na segurança

O Ceará terá reforço no esquema de segurança, após solicitação à Justiça Eleitoral, nos municípios de Fortaleza, Maracanaú, Caucaia, Sobral e Juazeiro do Norte. De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral do Ceará TRE-CE, a escolha considerou as cidades acima de 100 mil habitantes.

A operação de Garantia da Votação e Apuração (GVA) é uma ação integrada com a Marinha, a Força Aérea, os órgãos de Segurança Pública (Polícia Militar, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros Militar), a Polícia Federal e a Polícia Rodoviária Federal. 

O Ceará é o oitavo maior colégio eleitoral do país. Segundo o TRE, o estado tem 6.343.897 eleitores aptos a votar distribuídos por 184 municípios. A principal faixa etária dos eleitores cearenses é de 30 a 34 anos (718.981) e 53% do total são do gênero feminino.

O TRE-CE informou que 34 cidades, incluindo a capital Fortaleza, terão a Lei Seca, quando fica proibida a venda e o consumo de bebidas alcoólicas em bares, restaurantes e demais locais abertos ao público, no horário compreendido entre 0h e 19h do dia 7 de outubro de 2018, primeiro turno das eleições.

Ciro pede que as pessoas votem sem ódio neste domingo