Corrente do bem

Uma das maiores satisfações em fazer jornalismo diário é encontrar histórias únicas, que geram mobilização e emocionam. É o que aconteceu na edição deste domingo (28), quando o Jornal de Piracicaba trouxe o encontro entre Thayla Lima de Souza, de 8 anos, e a médica Adriana Brasil, da Associação Ilumina. A garota nunca havia cortado o cabelo e pretendia, com o dinheiro do corte, frequentar um curso de inglês. Ela abriu mão do sonho para fornecer os lindos cachos para a Ilumina, que trata pacientes com câncer.
 
“Eu vou cortar o meu cabelo para as crianças que estão no hospital doentes e que precisam do meu cabelo”, diz a garotinha, no vídeo inicialmente gravado pela mãe, e que depois inspirou a reportagem.
 
Além do texto na versão impressa, o JP trouxe um vídeo em sua página do Facebook, produzido por Samuel Pancher, em que a médica do Ilumina destaca a importância do gesto da garota para a autoestima dos pacientes com câncer. Até o fechamento deste texto, às 21h30, o vídeo foi assistido por 20 mil pessoas e teve alcance superior a 45 mil pessoas.
 
Foi a partir do comentário da leitora Monica Faria, minutos depois da postagem, que surgiu a corrente do bem. Mônica escreveu: “e que alguma escola de idiomas presenteie essa menina com bolsa de estudos. Parabéns, Thayla, pela doação”.
 
Novamente em contato com a mãe de Thayla, a operadora de caixa Marilene Souza, a reportagem recebeu a informação de que seis escolas de inglês da cidade manifestaram solidariedade com a garota. A opção da família foi por uma unidade no bairro Cidade Jardim e a menina começa a frequentar as aulas ainda hoje.
 
O gesto da garota também despertou a vontade de mais pessoas em fazer a doação de cabelos. Foram vários relatos e pedidos de informações no comentário da página sobre os procedimentos para doação ao Ilumina.
 
A médica Adriana Brasil, que sempre recebe a reportagem de braços abertos, também deixou o seu recado: “o bem gera o bem! O amor amplifica o amor!!! Não poderia ser diferente!!!”.