Discussão termina em morte no Parque Piracicaba

Faca usada no crime foi apreendida. (Divulgação)

Uma discussão terminou em morte, na última sexta-feira (10), no Parque Piracicaba. Um homem de 42 anos foi esfaqueado e não resistiu. O principal suspeito, um aposentado de 65 anos, foi localizado no mesmo bairro com a ajuda de uma testemunha. Ele foi levado ao plantão policial, onde foi autuado em flagrante sob acusação de homicídio.

De acordo com a Polícia Militar, vítima e agressor teriam se desentendido
em um cruzamento do Parque Piracicaba. O suspeito fugiu após o crime, levando a faca que teria sido utilizada.
Quando os policiais militares chegaram ao local informado, a vítima já era socorrida pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), mas não resistiu.

Os policiais conseguiram identificar uma testemunha que teria informado a identidade do suspeito e o endereço de sua residência. Os PMs conseguiram localizar o aposentado no endereço informado.

Ele teria informado aos policiais de que agiu em legítima defesa, mas não deu outras informações sobre a motivação do suposto desentendimento.
Levado ao plantão policial, o acusado foi autuado em flagrante sob acusação de homicídio pelo delegado Mário Bortoleto. Ele permaneceu preso na carceragem até ser apresentado à audiência de custódia.

A faca foi encaminhada para perícia no IC (Instituto de Criminalística). O laudo deverá ficar pronto no período de 30 dias. O corpo da vítima foi levado para o IML (Instituto Médico Legal) para realização de exame necroscópico para confirmar a causa da morte e somente depois foi liberado aos familiares para providenciarem o sepultamento. As circunstâncias sobre o assassinato serão apuradas pela Polícia Civil.

 

Cristiani Azanha