,
Clique e
assine o JP
Televendas: 3428-4190
Classificados: 3428-4140
Comercial: 3428-4150
Redação: 3428-4170
Últimas notícias:
  • Internautas dão dicas para 'estragar' Natal da família no Twitter
  • Com direção de Rian Johnson, 'Star Wars – Os Últimos Jedi' chega às telonas
  • Sai livro em que Ariano Suassuna trabalhou por 33 anos

Bulls volta a vencer Celtics em Boston e abre 2 a 0 nos playoffs da NBA
Agencia Estado
19/04/2017 11h02
  |      
ENVIAR     IMPRIMIR     COMENTE              
 
O Chicago Bulls tomou uma inesperada vantagem de 2 a 0 sobre o Boston Celtics na primeira rodada dos playoffs da NBA ao superar, na noite de terça-feira, o Boston Celtics por 111 a 97, fora de casa, ficando próximo de eliminar a melhor equipe da Conferência Leste na temporada regular. Jimmy Butler anotou 22 pontos e Rajon Rondo ficou a um rebote - obteve nove - de registrar um "triple-double" ao acumular também 11 pontos e 14 assistências, em uma noite em que todos os cinco titulares do Bulls marcaram ao menos dez pontos para o oitavo colocado do Leste, com 41 triunfos em 82 partidas. Dwyane Wade acumulou 22 pontos, sendo 16 deles no segundo tempo, enquanto Robin López totalizou 18 pontos e oito rebotes. O brasileiro Cristiano Felício acumulou quatro pontos e três rebotes nos 15 minutos em que atuou pelo time de Chicago, que também contou com 16 pontos do reserva Paul Zipser. Após vencer dois jogos como visitante, o Bulls será mandante no terceiro duelo, marcado para a próxima sexta-feira. O Celtics até teve um começo melhor no jogo, mas logo o Bulls se impôs, a partir do momento em que começou a dominar os rebotes ofensivos. Isaiah Thomas anotou 20 pontos pelo time de Boston, antes de viajar ao estado de Washington para acompanhar o funeral da sua irmã, que faleceu no último fim de semana após se envolver em um acidente automobilístico. O Celtics se aproximou com um placar de 91 a 82 no último período, antes de o Bulls aumentar a sua vantagem para 19 pontos para uma ofensiva de 14 a 4, assegurando mais um triunfo. TUDO IGUAL - Após uma atuação apagada no primeiro jogo, Kyle Lowry se redimiu no segundo duelo ao anotar 22 pontos, incluindo uma cesta decisiva com menos de dez segundos por jogar, para ajudar o Toronto Raptors a superar o Milwaukee Bucks por 106 a 100, em casa, igualando a série em 1 a 1. No primeiro duelo, Lowry havia marcado apenas quatro pontos, tendo falhado em todas suas seis tentativas de três. O time canadense converteu 14 de 29 arremessos de três, contra apenas cinco de 23 acertos no duelo do último sábado. DeMar DeRozan marcou 23 pontos, Serge Ibaka fez 13 dos seus 16 no segundo tempo e Jonas Valanciunas registrou dez pontos com dez rebotes pelo Raptors, que agora tentará a virada na série na próxima quinta-feira, quando as equipes vão se enfrentar em Milwaukee. Giannis Antetokounmpo liderou o Bucks com 24 pontos e 15 rebotes, Khris Middleton anotou 20 pontos e Greg Monroe conseguiu 15. Em casa, o Los Angeles Clippers empatou em 1 a 1 a série contra o Utah Jazz ao derrotá-lo por 99 a 91, após contar com 24 pontos de Blake Griffin, além de um "double-double" de DeAndre Jordan, com 18 pontos e 15 rebotes, e outro de Chris Paul, com 21 pontos e dez assistências. O Clippers também dominou o garrafão, tendo anotado 60 pontos na pintura, 22 a mais do que o adversário. O time de Los Angeles fechou o primeiro quarto ganhando por 29 a 18 com um show de enterradas e foi mantendo a vantagem, indo ao intervalo vencendo por 51 a 42. O Jazz nunca liderou o placar e não chegou a diminuir a sua desvantagem a menos de seis pontos no último período. Gordon Hayward liderou o Jazz com 20 pontos e Joe Johnson, que havia decidido o primeiro confronto, somou 13. O Jogo 3 será disputado nesta sexta-feira em Salt Lake City. JOGOS DE QUARTA - Os playoffs da NBA prosseguem nesta quarta-feira com três partidas: Washington Wizards x Atlanta Hawks, Houston Rockets x Oklahoma City Thunder e Golden State Warriors x Portland Trail Blazers. Os mandantes lideram suas séries por 1 a 0.
 
 
Voltar

Comentários

Nome:
E-mail:
Comentário:
 

  • Seja o primeiro a comentar