,
Clique e
assine o JP
Televendas: 3428-4190
Classificados: 3428-4140
Comercial: 3428-4150
Redação: 3428-4170
Últimas notícias:
  • Emicida celebra a carreira e o bom momento do rap com a gravação do 1º DVD
  • Sequência de 'Animais Fantásticos e Onde Habitam' ganha data de estreia
  • Em DVD, a face roqueira de Gal Costa

Dorival diz que vai ouvir ex-técnico Rogério Ceni
Líder Esportes
11/07/2017 15h36
  |      
ENVIAR     IMPRIMIR     COMENTE              
 

Apresentado oficialmente nesta segunda-feira, o técnico Dorival Junior afirmou que vai privilegiar os jogadores que estão no elenco do São Paulo e que confia na qualidade do elenco para superar a crise de sete jogos sem vitória, que colocou a equipe na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro.

“Não fizemos nenhuma exigência sobre o elenco. O São Paulo tem um bom elenco. Dentro do possível e das necessidades, de forma natural, acreditamos que ele possa e deva ser melhorado. Acreditamos naquilo que nós temos e vamos buscar cessar essas conversas de entradas e saídas de jogadores, o que quebra muito a confiança do elenco. Observamos o que temos em nossa casa”, afirmou Dorival, em entrevista coletiva.

20.jpg

Dorival Júnior mostrou confiança na recuperação do São Paulo no Campeonato Brasileiro. (Foto: Estadão Conteúdo)

Dorival afirmou que vai ouvir o técnico Rogério Ceni, demitido na semana passada. “Ainda não falei, mas pretendo falar com ele. Tenho respeito e consideração muito grandes por ele. Quero falar com o Rogério. Nos próximos dias, pela pessoa que é, pelo respeito que tenho por ele”, disse o treinador.

O novo técnico do time afirmou que o São Paulo tem condições de se recuperar e buscar novos desafios dentro do Campeonato Brasileiro. “O São Paulo tem alguns degraus e hoje tem uma condição diferente da maioria das equipes. É um campeonato de recuperação. Temos um bom grupo, diretoria atenta e trabalha com intensidade. Esses fatores favorecem a busca de uma recuperação rápida”, afirmou Dorival.

Ele foi demitido do Santos no mês passado, após quase dois anos de trabalho. Nesta passagem, salvou a equipe da zona do rebaixamento no Brasileirão de 2015 e foi vice-campeão brasileiro no ano passado.

MUDANÇAS — O auxiliar Pintado não vai trabalhar com o novo técnico Dorival Junior. A diretoria do São Paulo informou que o ex-jogador não vai trabalhar diretamente com a comissão técnica e apresentou um projeto para ele trabalhasse em Cotia, com a formação de atletas. Cabe ao ex-jogador decidir. Nos últimos meses, a diretoria mostrou insatisfação com a maneira como Pintado se relacionava com os atletas e os outros membros da comissão técnica.

 
 
Voltar

Comentários

Nome:
E-mail:
Comentário:
 

  • Seja o primeiro a comentar