Estado anuncia recuperação de 2 rodovias na região

A região de Piracicaba receberá mais R$ 315 milhões para a recuperação de duas rodovias. A confirmação do investimento aconteceu sexta-feira, na entrega da duplicação da rodovia Geraldo de Barros (SP-304), trecho entre a cidade de São Pedro até Ártemis (Piracicaba), pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB). O montante será para a recuperação das rodovias Carlos Mauro (SP-191) — que liga São Pedro a Charqueada — e da Samuel de Castro Neves (SP-147) — que liga Piracicaba a Anhembi.
 
As duas novas obras anunciadas serão feitas por meio de financiamentos. A da SP-191, será por meio do Banco Mundial, o Bird (Banco Internacional para Reconstrução e Desenvolvimento), no valor de R$ 156 milhões; já a SP-147 será pelo BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento), no valor de R$ 159 milhões, e servirá de complemento às obras na ponte de Anhembi, sobre o rio Tietê. “Está tudo bem encaminhado para o início destas obras. Aguardamos o ‘ok’ dos bancos financiadores para iniciar as licitações. Além disso, recentemente, liberamos mais R$ 5 milhões para a recuperação da rodovia da Ceasa em Piracicaba, reivindicação antiga da população e empresários da região”, disse Alckmin. 
 
Conforme explicou o secretário estadual de Logística e Transportes, Laurence Casagrande Lourenço, na SP-147 haverá o recape da rodovia, melhoria dos acostamentos, criação de terceira faixa, além da modernização da sinalização de trânsito. “Na SP-191 será diferente, não poderemos fazer o recape devido ao tipo de solo onde a via está construída, motivo pelo qual faremos a recuperação total do asfalto, tirando o velho, preparando o solo, e cobrindo com nova camada asfáltica. Além disso, também serão melhorados os acostamentos e criados trechos com terceira faixa, tendo em vista o grande fluxo de caminhões na região”, completou.
 
 
DUPLICAÇÃO — A duplicação do trecho da SP-304, em São Pedro, teve um custo R$ 47,5 milhões e demorou quase quatro anos para ficar pronta. Segundo Alckmin, “estamos entregando a duplicação dessa rodovia para estimular ainda mais o turismo, trazer mais segurança, evitar acidentes, atraindo mais empregos e investimentos, gerando renda para as famílias da região”.
 
Segundo informações do DER (Departamento de Estradas e Rodagens), em média, 12.184 motoristas trafegam diariamente pela rodovia.