Everton decide, XV vence e volta a mirar G-4

O XV de Piracicaba conseguiu neste sábado (3) uma vitória de extrema importância na Série A2 do Campeonato Paulista. Com gols de Bruninho e Everton, o Nhô Quim derrotou o Votuporanguense por 2×1, na Arena Plínio Marin, em duelo válido pela 10ª rodada. O triunfo novamente não veio acompanhado de bom futebol, mas serviu para recolocar o Alvinegro na luta pelo G-4. Com 15 pontos, o XV ocupa provisoriamente a quinta colocação, mas aguarda o fechamento da rodada. Na terça-feira (6), a equipe recebe o Batatais, às 20h, no estádio Barão da Serra Negra.

Pela nona vez em dez rodadas, o técnico Evaristo Piza mexeu na equipe titular do XV de Piracicaba. Em Votuporanga, Doni e Rubens Carvalho figuraram na linha defensiva, enquanto o volante Gilson ganhou a posição no meio de campo. Na lateral direita, o treinador decidiu pela escalação de Oziel. André Cunha e Fabinho foram escalados no setor de criação, enquanto Bruninho iniciou a partida ao lado de Everton no ataque. As novidades, porém, ficaram restritas à escalação. Na prática, o Alvinegro voltou a repetir o futebol burocrático que o caracteriza.

No primeiro tempo, os dois goleiros quase não foram incomodados e apareceram apenas em finalizações de média distância. “Faltou ficar com a bola”, disse Gilson no intervalo. A etapa complementar começou com uma falha bisonha de Cleidson. Aos 2min, o lateral do CAV tentou atravessar a bola da esquerda para a direita e acabou servindo Bruninho. Na cara do gol, o atacante colocou a bola no canto esquerdo alto de Vitor para deixar o XV na frente: 1×0. A vantagem durou cinco minutos.

Aos 8min, a equipe de Votuporanga invadiu a área pelo lado esquerdo do time piracicabano e, após levantamento de Nathan, o atacante Felipe subiu entre Oziel e Marcondes para igualar o marcador: 1×1. O camisa 9 do CAV quase virou a partida aos 14min, em chute colocado que Samuel Pires conseguiu defender. Evaristo Piza precisou tirar Bruninho, lesionado, para a entrada de Maikon Aquino. André Cunha e Fabinho foram substituídos pelo meia Rafael Rosa e o atacante Jobinho, respectivamente.

DECISIVO

O Nhô Quim chegou ao segundo gol em jogada de bola parada. Aos 38min, Rafael Rosa bateu falta do meio de campo, a zaga não conseguiu afastar e, após o bate-rebate, Everton não perdoou: 2×1. Foi o sétimo gol marcado pelo atacante na Série A2. Em desvantagem, o Votuporanguense partiu para o ataque e abriu opções para os contragolpes. Aos 45min, Rafael Rosa foi o protagonista de um lance inacreditável. Lançado em profundidade, o meia driblou o goleiro Vitor e, com o gol aberto, acertou a trave. Menos mal que o XV conseguiu controlar a pressão adversária nos acréscimos.