Exposição fotográfica retrata vida de Dom Paulo

Os caminhos de Dom Paulo e os direitos humanos é o nome da exposição fotográfica itinerante de autoria do repórter fotográfico Douglas Mansur, em homenagem aos 95 anos do cardeal Dom Paulo Evaristo Arns, falecido em dezembro de 2016, instalada no Rucas — antigo restaurante da Esalq (Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz) — até sexta-feira, com visitação gratuita das 14h às 18h. A mostra reúne 95 fotografias, produzidas entre 1980 e 2016, que retratam momentos da Igreja Católica sob a ótica humana e progressista do chamado Cardeal dos Pobres. A iniciativa integra a programação da 5ª Jura (Jornada Universitária em Defesa da Reforma Agrária), em parceria com a Pastoral Operária de Piracicaba.
 
 
Na carreira, Mansur registra imagens dos movimentos sociais, das Comunidades Eclesiais de Base, da hierarquia da Igreja Católica, da caminhada do MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra) e do sindicalismo brasileiro. “Fotografar é eternizar os momentos para que as próximas gerações possam sentir, olhar e aprender com o que hoje estamos construindo”, disse. Foi com esse objetivo que ele preparou a homenagem a Dom Paulo.
 
 
“Eu convivi com o Dom Paulo. Fui diácono de 1977 a 1987, por isso sempre andei com ele. Em todos os locais onde ele ia, eu fotografava. São retratos dele em vários momentos pessoais e profissionais. Fiz isso para que a história não seja esquecida, pois contando a vida dele, conto a história do país”, disse.
 
 
Durante a abertura oficial da mostra, anteontem, o ex-deputado estadual Renato Simões falou sobre o contato com o homenageado. “Trabalhei com ele em várias oportunidades. Dom Paulo, conhecido como Cardeal da Esperança, é uma figura chave da resistência democrática”, afirmou.
 
 
SERVIÇO — Exposição fotográfica Os caminhos de Dom Paulo e os direitos humanos, do repórter fotográfico Douglas Mansur, na Esalq (avenida Pádua Dias, 11, Agronomia). Visitação: até 20 de abril, das 14h às 18h. Entrada gratuita. Informações: (19) 3447-8607.