Fernando Meligeni visita Sesc Piracicaba neste domingo

sesc Ex-tenista participa de bate-papo, sessão de fotos e autógrafos; atividade faz parte do Sesc Verão 2019. ( Foto: Adilson Felix/Divulgação)

O Sesc Piracicaba recebe o ex-tenista e atleta olímpico Fernando Meligeni neste domingo (13), às 15h, no ginásio da unidade, para a oficina de Tênis de Quadra. A atividade faz parte da programação Sesc Verão 2019. O objetivo do projeto nesta edição é promover a inserção da prática físico esportiva no cotidiano da população. Meligeni está entre os principais nomes do tênis brasileiro e conhecido mundialmente pela persistência em quadra. O evento tem entrada gratuita, com bate-papo, sessão de fotos e autógrafos.

Fernando Ariel Meligeni, também conhecido como ‘Fininho’, foi um dos nomes mais importantes na modalidade no Brasil. Nascido na Argentina, Meligeni se mudou com a família para São Paulo quando tinha 4 anos de idade. Como tenista juvenil, venceu o Orange Bowl e o Banana Bowl, ambos em 1989, permanecendo por sete meses na primeira posição do ranking mundial da categoria naquele mesmo ano. O jogador se profissionalizou em 1990, e fez a opção pela nacionalidade brasileira.

O ex-tenista foi medalha de ouro dos Jogos Pan-Americanos de 2003, ano em que também foi eleito o melhor atleta brasileiro pelo COB (Comitê Olímpico do Brasil) e recebeu do governo a Medalha Tiradentes por conta do ‘espírito olímpico’. Além disso, Fernando Meligeni foi quarto colocado nos Jogos Olímpicos de Atlanta de 1996, sendo o tenista brasileiro que foi mais longe em uma Olimpíada. O jogador figurou entre os 100 melhores do mundo no ranking da ATP durante dez anos consecutivos.

TÍTULOS

Na carreira internacional, Fininho conquistou dez títulos ATP Tour, três simples e sete em duplas, além sete Challengers. O ex-tenista foi semifinalista do Grand Slam Roland Garros, em Paris, no ano de 1999. Além desses torneios, Meligeni representou o Brasil por dez anos no principal evento internacional de nações, a Copa Davis, na qual teve doze vitórias e duas participações como capitão da equipe brasileira, em 2005 e 2006.

“Ao lançar o olhar para as atividades físicas esportivas para a melhoria das relações sociais, o Sesc Verão reforça a ação institucional em promover e valorizar o convívio de todos os públicos, além de destacar a potência do esporte para o estímulo do bem-estar individual e coletivo, e a melhoria da qualidade de vida, premissas do Sesc”, afirmou o diretor do Sesc São Paulo, Danilo Santos de Miranda. A programação Sesc Verão 2019  começou no 5 de janeiro e termina no dia 28 de fevereiro.

(Líder Esportes)