Festa do Peixe e da Cachaça deve reunir 3.000 no Engenho

Feriado Feriados devem ser o chamariz para o evento. ( Foto: Claudinho Coradini/JP)

De 15 (quinta-feira) até o domingo (18) a cidade sedia a 14ª edição da Festa do Peixe e da Cachaça, em um dos galpões do Engenho Central e tem entrada gratuita. A secretária de Cultura e Turismo, Rosângela Camolesi, destacou que a festa acontece no final de semana prolongado com o objetivo de atrair mais visitantes durante os quatro dias. A estimativa dos organizadores é de que entre 2.500 a 3.000 pessoas passem pelo local. No ano passado o público registrado foi de 2.500 visitantes.

Durante a coletiva de lançamento da festa, Rosangela explicou que o Engenho Central foi escolhido para “facilitar a logística das empresas participantes” e também o acesso do público. Segundo ela, o acesso ao galpão será pela Ponte do Mirante ou Pênsil. Neste ano, participarão 14 expositores, sendo dez cachaçarias, dois restaurantes e duas cervejarias.

A secretária afirmou que todos os restaurantes da Rua do Porto e de outros pontos da cidade foram convidados para participar da festa, mas apenas dois, o Porto das Águas e Capitão Gancho aderiram ao evento. “A dificuldade está em deslocar funcionários e equipamentos por isso a baixa adesão”, justificou acrescentando que há quatro anos seis restaurantes participaram.
Entre os produtores de cachaça estão André Morgan, da Cachaçaria Piracicaba. Ele destacou que participa desde a primeira edição e sempre tenta trazer novidades. Para este ano, a inovação está nos kits de caipirinha e de miniaturas de cachaça. Seguindo a orientação da prefeitura – em não praticar preços abusivos -, ele disse que seus produtos terão preços entre R$ 8 para as miniaturas de 50 ml até R$ 35 para as garrafas de 670 ml.

Ainda falando de bebidas, as cervejarias artesanais são outro destaque da festa. As empresas Cevada Pura e Leuven ocuparão estandes nos quatro dias do evento. Para esta edição, o empresário Thiago Henrique da Silva (Leuven) disse que vai trazer a pilsen, trigo e uma novidade com sabor cítrico e baixo teor alcoólico. Entre os atrativos gastronômicos que serão oferecidos a partir de R$ 20, segundo Fernando Bera, proprietário do restaurante Capitão Gancho, estão as porções de pintado, tilápia e bolinhos de queijo, entre outros. A festa contará também com atrações musicais, no feriado, a abertura será feita a partir das 12h.

(Beto Silva)