Golden State Warriors e Toronto Raptors estão na final da NBA

Os Warriors “varreram” o Portland e estão na final pela quinta vez seguida (Foto: Divulgação/ Facebook Golden State Warriors)

Golden State Warriors e Toronto Raptors venceram as Conferências Oeste e Leste, respectivamente, e estão classificados para a grande final da NBA (National Basketball Association) da temporada 2019. Os Warriors, que é uma das franquias mais antigas da história da liga norte-americana (fundada em 1946), já foram de Philadelphia e San Francisco chegam pela 11ª vez a final, sendo a quinta consecutiva e buscam seu sétimo título. Os Raptors são uma das franquias mais novas (fundada em 1995), sempre esteve situada na cidade canadense e chega pela primeira vez a decisão.

Na última etapa antes de chegar a mais uma decisão da NBA, o Golden State Warriors derrotou o Portland Trail Blazzers na final da Conferência Oeste. Mesmo com o desfalque de Kevin Durant, brilhou a estrela de Stephen Curry, que foi o cestinha em todos os jogos, com 36, 37, 36 e 37 pontos, respectivamente, ajudando os Warriors a “varreram” o adversário ao vencer por 4 a 0, mesmo que todos os quatro jogos tenham sido equilibrados. O último jogo por exemplo, em Portland, só foi decidido na prorrogação. Com 146 pontos, Curry se tornou o maior pontuador em confrontos que terminaram em 4 a 0, superando a lenda Shaquille O’Neal.

O Toronto Raptors tiveram mais dificuldades, já que enfrentaram o melhor time da temporada regular (Milwaukee terminou com 60 vitórias) e precisou de seis jogos para confirmar sua vaga na final. Os dois primeiros jogos foram em Milwaukee e os Bucks venceram os dois. No primeiro, a franquia canadense liderou toda a partida, sofrendo a virada no último quarto. Na segunda partida, Milwaukee liderou do início ao fim e venceu por 22 pontos de diferença. Os jogos três e quatro foram no Canadá e Toronto venceu os dois com roteiros parecidos com os jogos em Wisconsin. Na partida 3, os Bucks lideraram até o quarto final, porém Toronto empatou e vence na segunda prorrogação. No jogo 4, os Raptors dominaram do início ao fim e venceram por 18 pontos.

No quinto jogo, em Milwaukee, os Bucks novamente lideraram os primeiros quartos, porém os Raptors reagiram e venceram o confronto no final. No último jogo, em Ontario, o Toronto novamente ficou atrás na maior parte do tempo, porém contou com o talento de Kawhi Leonard para virar e se classificar par a final. Além de Leonard e dos outros atletas do quinteto titular, o banco de Toronto também teve participação decisiva, auxiliando Loenard, que sofreu uma contusão no joelho durante o jogo 4 e não esteve inteiro no resto da série.

O primeiro jogo será nesta quinta-feira (30), às 22h (horário de Brasília), na Scotiabank Arena, em Toronto, no Canadá.

Mauro Adamoli