Goleada no Barão. XV 4 x 1 Taubaté.

Imagens: Ricardo Jacob/Divulgação

Onze minutos de futebol implacável foram suficientes para o XV de Piracicaba golear o Taubaté por 4×1, nesta sexta-feira (22), pela nona rodada do Campeonato Paulista da Série A2. Kadu, Gilberto Alemão e Ronaldo resolveram o jogo com três gols relâmpagos. Caio Mancha diminuiu, mas Ítalo deu números finais ao marcador ainda no primeiro tempo. A vitória levou o XV ao terceiro lugar, com 17 pontos, à espera do complemento da rodada. Com a semana cheia para trabalhar, o Alvinegro volta a campo no próximo sábado (2), às 19h, quando visita o Penapolense no Tenente Carriço.

O time piracicabano começou o jogo em cima do adversário e contou com a sorte para abrir o placar. Aos 5min, Kadu costurou o lance pelo lado esquerdo, trouxe a bola para o pé direito e bateu de fora da área. A finalização desviou em um defensor e encobriu o goleiro Rafael Roballo: 1×0. Não demorou para o Nhô Quim aumentar a vantagem. Em cobrança de falta da intermediária, o zagueiro Gilberto Alemão soltou a bomba e Rafael Roballo tentou espalmar, mas a pancada foi tão forte que a bola morreu no fundo da rede: 2×0.

O Taubaté ainda estava atordoado pelo segundo gol quando sofreu o terceiro. Aos 11min, Ítalo chutou da entrada da área, o goleiro deu rebote e Ronaldo ampliou: 3×0. A maré positiva deu uma trégua com a lesão do meia Misael, substituído por Andrei. Aos 25min, o Burro da Central diminuiu com o ex-palmeirense Caio Mancha, que teve total liberdade na área para ajeitar e emendar de pé direito: 3×1. Mas a reação parou por aí. Aos 44min, Ítalo girou sobre a marcação e acertou o ângulo de Rafael Roballo para marcar um golaço: 4×1.

No segundo tempo, o time piracicabano administrou o resultado e o ritmo caiu. Pugliese colocou Cassio Gabriel e Elias Ceará nos lugares de Ítalo e Walfrido, congestionando o meio-campo. Ao Taubaté não faltou vontade, mas também não houve criatividade capaz de levar perigo ao gol defendido por Luiz Fernando. Nos minutos finais, a equipe visitante ainda perdeu o atacante Danilo Tarracha, expulso após cometer falta violenta