Grandes companheiros

Muito mais que uma montaria e longe da exploração, cavalos são animais sensíveis, carinhosos e merecem muito amor e respeito. (Fotos: Fotos: Amanda Vieira/JP)

Dos grandes reis e imperadores, os cavalos estiveram sempre presente na história da humanidade. Por muito tempo, os cavalos foram usados como principal instrumento de trabalho e locomoção, justamente por serem animais fortes, robustos, elegantes e muito leais.

Atualmente, os equinos também atuam no lado terapêutico, nos tratamentos de saúde, além de serem ótimos parceiros. “São muito carinhosos e reconhecem seus donos, uma vez que são bem tratados, eles lembram da pessoa e as entendem como parceiros”, conta o instrutor de equitação do Centro Hípico Equi-Arte e amante de cavalos, Rafael Cruz.

Os cavalos são animais muito sensíveis e bastante perceptíveis. “Eles sentem quando uma pessoa não está bem, assim que ela os monta. E por isso, em alguns casos, eles não conseguem cavalgar como de costume”, comenta o instrutor. Rafael ainda fala que cavalgar requer concentração e um desligamento dos problemas, pois sua atenção precisa estar em guiar o animal e se guiar sobre ele.

Cavalos são animais que vivem por muito tempo, bem mais que cães e gatos. Se bem cuidados vivem até 30 anos e alguns passam dessa média. “Existem casos de cavalos que viveram até 35 anos, porém, para montaria eles podem ter uma vida esportiva de até 25 anos se tratados com cuidado”, informa Rafael, que ainda ressalta que a variação de tempo varia de um animal para outro, inclusive devido a raças diferentes do equinos.

A alimentação do animal é bem volumosa, além de guloseimas como maçãs e torrões de açúcar próprios para cavalos, diariamente o animal deve comer entre 4 à 6 kg de ração e até 6 kg de grama ou feno seco. Além disso, são animais que exigem um espaço para poderem caminhar e pastar com tranquilidade.

Em questões de gênero há não existem grandes diferenças, apenas de vigor físico, machos são mais fortes e maiores se comparado às fêmeas, porém se não castrados são bem mais difíceis de domar devido ao seu extinto. Já as éguas são bem mais calmas apenas um pouco mais agitadas em seu período de cio.

Criar um cavalo requer atenção, cuidados diários e um espaço relativamente maior do que as casas urbanas. Cavalos são criaturas incríveis e conquistar um amigo equino pode ser um dos melhores presentes de sua vida. Quem nunca chorou nos filmes que retratam a história dos equinos e seus donos? Cavalo de Guerra (2011), O Encantador de Cavalos (1998), O Corcel Negro (1979), Silver (1993), ,Spirit (2002) e tantos outros. No entanto, se estiver pensando em ter um companheiro equino, é preciso obter todas as informações necessárias e os centros de equitação são ótimos locais para isso, além de disponibilizarem esse tipo de contato já com o animal tranquilo e gentil.

Larissa Anunciato
[email protected]