Grupos de teatro realizam oficinas de residência no Garapa

Até dia 28 de abril, diariamente, às 18h30, os grupos de teatro Magiluth (PE) e Mungunzá (SP) realizam oficinas de residência teatral no Ponto de Cultura Garapa. Eles propõem a união e troca dos procedimentos artísticos adotados pelas companhias nos processos de construção de seus trabalhos. Nos encontros, os grupos promovem uma espécie de workshop um ao outro e abrirão ao público o resultado final. A participação é gratuita. Interessados devem fazer inscrição no Sesc, organizador da iniciativa denominada Ocupação Magiluth.
 
 
Fundado em 2004, o Grupo Magiluth tem um trabalho de pesquisa e experimentação constante na cena teatral recifense. A Cia. Mungunzá foi desenvolvida por atores recém-formados em São Paulo, em 2006.
 
 
“A Ocupação Magiluth é uma semana de vivência, construção colaborativa entre todos. É uma troca de experiências entre as duas equipes e as pessoas que participam”, disse Bruno Parmera, integrante do Grupo Magiluth.
 
 
MAIS — No dia 29, às 10h, o Grupo Magiluth realiza no Sesc a performance Linha de Frente. No feriado do dia 1 de maio, às 16h, também na unidade, a companhia apresenta a peça Luiz Lua Gonzaga, dirigido por Pedro Vilela, sobre questões do ser e viver no Nordeste.
 
 
SERVIÇO — Ocupação Magiluth, no Ponto de Cultura Garapa (rua Dom Pedro II, 1.313, Centro). Até 28 de abril. Participação gratuita. Classificação: 16 anos. Inscrições: enviar e-mail com dados de contato, minicurrículo e carta de intenção para camilatavares@ piracicaba.sescsp.org.br e aguardar confirmação de participação.