Guarda Civil localiza vaso com pé de maconha

maconha Pé de maconha e dez mudas foram apreendidos. (Foto: Divulgação)

O Patrulhamento Rural da Guarda Civil apreendeu dois vasos com pés de maconha, além de dez mudas na residência de uma dona de casa de 19 anos. Ela estava com o filho de oito meses no colo durante a abordagem na casa dela, em Anhumas, na noite de anteontem.O delegado Gillys Esquitini Scrocca decidiu fazer a apreensão do entorpecente para a realização de perícia e a jovem foi liberada, mas será investigada posteriormente pelos policiais civis da Dise (Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes) juntamente com o seu marido.

De acordo com a GC, por volta das 18h30, os policiais faziam patrulhamento pelo bairro, quando foram avisados por um denunciante que não quis ser identificado, que teria informado que, em uma residência nas imediações, tinha uma plantação de maconha.

Os patrulheiros foram ao endereço informado e teriam encontrado a dona de casa na residência que estava com o filho no colo. Ela teria confessado que tinha alguns pés de maconha em casa, pois seria usuária do entorpecente e negou seu envolvimento com o tráfico de drogas.

No interior da casa, os GCs encontraram os documentos de um homem que seria o marido da jovem. Ela chegou a ser encaminhada ao plantão policial, mas o delegado deixou de elaborar o flagrante, pois considerou que com a jovem foram apreendidas apenas duas porções de maconha. O perito criminal informou ao delegado que – com relação a constatação do pés de maconha – seria necessário realizar um exame específico com sementes, folhas e flores, que somente seria possível ser realizado em laboratório.

A investigada foi liberada após prestar depoimento, mas seu suposto envolvimento com o tráfico de drogas e também de seu marido será apurado posteriormente através de inquérito policial.

(Cristiani Azanha)