Guarda Civil prende  homem acusado de aplicar golpes em agência bancária no Centro

Golpistas colocaram dispositivo que travava as teclas do equipamento. (Divulgação/GC)

Um homem acusado de aplicar golpes em agência bancária, na área central da cidade, foi preso na manhã desta terça-feira (14) pela Guarda Civil. Ele teria colocado uma espécie de adesivo que deixava o cartão bancário retido no caixa eletrônico. O cliente ligava para um telefone 0800 colocado em um adesivo no equipamento, e após informar os dados bancários com senhas, outros golpistas conseguiam fazer transferências.  O suspeito foi abordado pelos agentes a um quarteirão do banco. Outro comparsa que também teria participado na ação criminosa conseguiu escapar.

 

Adesivo imitando as cores do banco foi colocado no caixa. (Divulgação/GC)

 

De acordo com a Guarda, os funcionários do monitoramento do sistema de segurança do banco teriam percebido que dois homens estavam demorando na utilização dos caixas eletrônicos e entraram em contato com a corporação.

“Nossa central passou as características via rádio. Chegando na agência localizamos um dos indivíduos que ao ser abordado tentou se evadir. Conseguimos alcançá-lo na rua de trás do banco”, disse o guarda W.Oliveira.

Segundo ele, os suspeitos colocam alguns pedacinhos de plástico no teclado do caixa, quando o cliente vai digitar algo, daí trava e o cartão fica preso. “Paralelo a isso eles colam um número 0800 falso do banco e caixa também. Quando o cliente liga nesse número falso, cai em outro integrante do grupo que pede dados pessoais e a senha”, afirmou W.Oliveira, que localizou um dos suspeitos com a guarda Giseli.

Um dos acusados de fazer parte no esquema foi levado para a UPJ (Unidade de Polícia Judiciária), onde foi autuado em flagrante sob acusações de tentativa de estelionato, associação criminosa, falsificação de documento particular e uso de documento falso.

 

Cristiani Azanha