Haddad chega ao 1º turno tentando segurar avanço de onda antipetista

Haddad chega ao 1º turno tentando segurar avanço de onda antipetista
Fonte: Agência Brasil

Na véspera das eleições presidenciais, o candidato do PT à Presidência da República, Fernando Haddad, escolheu o Nordeste, única região do país onde lidera nas pesquisas eleitorais, para encerrar as atividades de campanha no 1º turno. Ele fez uma caminhada hoje (6) no centro de Feira de Santana, segunda maior cidade da Bahia. Ao lado de correligionários, como o governador baiano Rui Costa (PT), que tenta a reeleição, e políticos do estado.

A menos de 24 horas para o começo das votações, Haddad alertou sobre as informações falsas publicadas nas redes sociais e na internet. “[Está tendo] muita mentira na internet, sobretudo no WhatsApp. […] O outro lado tá um pouco desesperado”, disse o candidato em uma transmissão ao vivo postada em sua página no Facebook, na manhã de hoje, na chegada à Feira de Santana.

No esforço de desfazer informações improcedentes sobre ele, Haddad fez questão de dizer que é casado há 30 anos, é neto de líder religioso e a favor dos valores da família e que escola é lugar para se aprender conhecimentos como ciência, arte e literatura.

Fake news

Há dois dias, o ministro Sérgio Banhos, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), determinou a remoção de conteúdos disseminados no Facebook e em aplicativos de conversas no celular, como WhatsApp, com informações falsas. O material em questão informava que Haddad estaria distribuindo mamadeiras com o bico em formato de órgão genital masculino para creches.

No início da manhã de hoje, a campanha do PT publicou nas redes sociais um vídeo inédito do ex-presidente Lula, de 37 segundos, em que ele pede aos eleitores que compareçam para votar no domingo (7). No vídeo, o ex-presidente, que está preso em Curitiba, pede para que o eleitor lembre do “legado do partido que mais fez política social nesse país”. 

Após a agenda na Bahia, Fernando Haddad retorna ainda nesta sábado (6) para São Paulo, sem agenda de campanha prevista. Amanhã (7), ele vota em um colégio no bairro de Indianópolis, zona sul da capital paulista, por volta das 10h. A assessoria ainda não confirmou as demais atividades programadas para o candidato no dia das eleições.

Haddad chega ao 1º turno tentando segurar avanço de onda antipetista