Homem moderno usa barba!

Diversas modelagens e comprimentos ganharam a simpatia masculina; Aprenda como cuidar dos fios. (Foto: Divulgação)

Até alguns anos atrás, elas eram sinônimo de descuido, mas as barbas saltaram para um patamar de estilo e personalidade. Cheias ou não, longas, curtas, com bigode e também sem… Elas passaram a fazer parte das mais diversas produções masculinas, como um acessório de beleza.

Lucas Moraes, proprietário da Vikings Barbearia, diz que as barbas não são passageiras. “Hoje creio não ser mais tendência. A barba veio para ficar e já faz parte da figura masculina”, afirma.

Para escolher o estilo que mais valorizará suas expressões, é preciso conhecer o seu estilo de rosto. Os rostos masculinos podem ser divididos em quatro categorias principais: quadrados, redondos, ovais e retangulares. A barba deve adicionar dimensões harmoniosas ao rosto, portanto o design deve combinar com as linhas naturais.

No caso dos quadrados, a ideia é sempre valorizar o formato do queixo. Apare as maçãs do rosto e mantenha o cavanhaque. A barba circular, que une o queixo ao bigode também é uma boa pedida.

Em rostos redondos o objetivo deve ser criar ângulos com a barba. Aposte na barba completa, que une costeletas, cavanhaque e queixo, ou algum tipo de cavanhaque que torne o queixo mais pontiagudo.

O formato oval é o mais privilegiado, que aceita quase todo tipo de barba, inclusive a rala, que dá a impressão descolada de alguns dias sem aparar. Se gostar do bigode sozinho, esse tipo de rosto também aceita o estilo.

Barbas compridas tendem a alongar o rosto. (Foto: Divulgação)

Para o rosto retangular, a barba deve ser mais curta na parte inferior e marcar as laterais, valorizando o formato angulado e robusto.

 

CUIDADOS
Nem só da escolha de estilos se faz uma barba, mas também é necessário cuidado e manutenção para mantê-la sempre bonita.

Para quem apresenta falhas nos pelos, essa atenção se inicia já antes mesmo de apará-los. “Uma das alternativas para resolver as falhas na barba é o uso do Minoxidil. O simples fato de usar a barba um pouco mais longa camufla as falhas, dando um aspecto mais bacana de preenchimento”, indica Lucas.

O Minoxidil é um remédio que reduz a pressão arterial e promove a vasodilatação, ação que atua em combate a calvície e estimula o crescimento dos fios. O produto deve ser aplicado sobre a área desejada e massageado por 30 a 60 segundos.

Para o controle dos fios, deve ser considerado o estilo de vida do ‘barbudo’. “Uma pomada de qualidade para a fixação do penteado é importante. Já para a barba, é necessário o uso diário de shampoo especial, além de um balm durante o dia para hidratar e abaixar os fios rebeldes”, o barbeiro dá a dica.

Balm específico ajuda a controlar os fios rebeldes. (Foto: Divulgação)

O intervalo para se aparar varia conforme o comprimento dos fios. Nas barbas longas, o corte deve ser feito a cada sete dias para evitar pontas duplas, já para quem pretende manter a barba mais curta, apare de 10 a 20 dias.

 

Mariana Requena
[email protected]