Hospital dos Fornecedores de Cana celebra 52 anos de credibilidade em Piracicaba e região

HFC- Hospital dos Fornecedores de Cana Hospital comemora 52 anos com a campanha: HFC Feliz! #doarfazbem (Crédito: Divulgação)

O HFC (Hospital dos Fornecedores de Cana) celebra nesta sexta-feira (15), 52 anos de fundação. Em comemoração, às 9h, no pátio do hospital, acontece o evento HFC Feliz! #doarfazbem, que é uma campanha entre os colaboradores para arrecadação de mantimentos e lã que serão doados para as instituições Espaço Pipa e Fios do Bem. Demais interessados também podem doar – um novelo de lã e um mantimento (1 litro de óleo, 1 lata de leite condensado ou 1 lata de creme de leite) -, das 7 às 8h e das 12h30 às 14h, na sala de atendimento da Gestão de Pessoas do hospital.

Os mantimentos serão entregues para o Espaço Pipa, para apoiar na realização da Festa das Nações, em que todo dinheiro da barraca é revertido para a entidade. Os novelos de lã serão doados para o projeto Fios do Bem, que confecciona toucas e perucas temáticas com personagens animados para crianças que estão hospitalizadas. A comemoração também conta com os voluntários do Projeto Cãopanheiro.

Nesses mais de meio século, o HFC tem se destacado pela trajetória de sucesso, pautada pelo respeito e cuidado com as pessoas. “O tempo e a experiência sempre nos impulsionam a crescer através de novos projetos, da tecnologia e da contribuição dos nossos colaboradores, do corpo clínico e dos voluntários que trabalham com o mesmo propósito, oferecer atendimento qualificado e cada dia mais humanizado. As nossas conquistas e credibilidade são frutos do trabalho de toda a equipe”, ressalta o presidente do HFC, José Coral.

Na avaliação do presidente do hospital, a missão de oferecer excelência no atendimento e de ser um hospital importante para a saúde de Piracicaba e região está sendo cumprida. “Continuamos focados em cuidar de pessoas, com um trabalho pautado pelas melhores práticas de qualidade, respeito e excelência”, afirma.

Expertise e inovação têm sido características da gestão eficiente do hospital. “Foram muitos desafios ao longo desse ano, mas também muitas conquistas. Com melhorias na infraestrutura, investimentos na área tecnológica, capacitação da equipe, novos projetos sociais e aprimoramento das metodologias de trabalho, criamos condições para atravessar o ano com profissionalismo e serenidade. Conseguimos fechar 2018 com excelência e eficiência operacional”, analisa Lucimeire Ravelli Peixoto, administradora do hospital.

 

MATURIDADE

Para Miki Mochizuki, diretor técnico do HFC, o hospital atingiu a maturidade em seus processos assistenciais e sua missão de prestar saúde de qualidade à população. “O HFC, a cada ano se renova e inova, seja em ideais, processos assistenciais, infraestrutura ou tecnologia. O HFC comemora seus 52 anos presenteando a população com o início das atividades dos médicos hospitalistas e consolidando o projeto de assistência humanizada ao parto”, enfatiza.

BANCO DE LEITE

 

O leite materno é o alimento mais completo que um bebê pode receber, mas nem todas as mães podem amamentar e nem todos os recém-nascidos tem a oportunidade de mamar. O Banco de Leite do HFC tenta suprir a necessidade, mas com os estoques baixos está cada vez mais difícil oferecer esse alimento aos bebes prematuros que estão em processo de recuperação e com dificuldades para mamar em suas mães. “Estamos com muita dificuldade em conseguir doação de leite materno, no mês passado coletamos apenas 22 litros, mas o ideal seria de cerca de 80 a 100 litros por mês”, explica a enfermeira do Banco de Leite, Dayane Rocha Ferreira.

Bebês que nascem prematuros e com baixo peso ficam internados na UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) Neonatal e só conseguem receber o leite materno por meio de doações. “Algumas mães temem doar o leite porque acham que pode faltar para o próprio filho, um mito, porque quando o leite é esgotado, mais se estimula a produção do alimento”, ressalta a enfermeira.

Antes de ser servido aos bebês, o leite doado passa por um rigoroso controle que segue as orientações da Rede Nacional de Banco de Leite. Segundo a enfermeira, são realizadas análises que determinam a acidez (índice que mostra se houve contaminação durante a coleta) e o percentual de calorias. O leite é pasteurizado e passa por um teste microbiológico, só depois é liberado para o consumo.

Segundo dados da OMS, o leite materno é capaz de proteger mais que vacinas e saneamento básico – até 13% das mortes por doenças evitáveis em menores de cinco anos são combatidas pelo alimento natural. O presidente do HFC, José Coral alerta que para aumentar esse número é preciso que as mulheres que estão amamentando se tornem uma doadora. Para isso, a mãe precisa estar saudável, amamentando e fazer o cadastro no HFC. “Para facilitar, o BLH tem uma equipe para orientar as mães e conta também com uma unidade móvel que faz a coleta do leite materno nas residências das mães doadoras, tudo para estimular a doação desse alimento tão importante”.

O Banco de Leite Humano funciona no HFC de segunda a sexta, das 7h30 às 17 horas. Informações: (19) 3403-2820.

 

ESPAÇO PIPA

 

A notícia de que um bebê nasceu ou nascerá com síndrome de Down nunca é fácil para a família que o espera. Essa realidade pode representar o início de um processo de aceitação e a certeza que aquela criança poderá ter uma vida saudável e feliz ou um trauma e um grande sofrimento para toda a família. Grande parte da reação inicial dos pais, quando recebem a notícia do diagnóstico da síndrome, está relacionada ao tipo e à maneira pela qual a informação é transmitida.

No momento que a equipe da maternidade do HFC sabe da notícia, os profissionais do Espaço PIPA são acionados para fazer o acolhimento e, geralmente, para acompanhar o momento da notícia. Essa visita inclui uma assistente social da instituição e uma ativadora do Movimento Down, que já passou por essa experiência, ou seja, é mãe de uma criança com Síndrome de Down.

Nessa visita, além do acolhimento e a troca de experiências, é entregue para a família a cartilha “Três vivas para o bebê!”, que traz todas as informações que os pais de primeira viagem de uma criança com a trissomia precisam saber. O manual contém as questões mais importantes sobre a trissomia, como os cuidados médicos iniciais e a importância da estimulação para o desenvolvimento do bebê. Além disso, esclarece mitos difundidos sobre a síndrome, mostrando à família que sua criança é uma criança como as outras, apenas terá o desenvolvimento mais lento em algumas áreas.

Além disso, o projeto também atua na conscientização dos profissionais das maternidades sobre a importância de dar a notícia de forma acolhedora, e ser um suporte para a família que, na maioria das vezes, perde o chão.

 

PROJETOS 

O Hospital dos Fornecedores de Cana de Piracicaba acredita que a gestão social deve ser respaldada nos princípios de Responsabilidade Humano, Social e Ambiental. Os Projetos Corporativos do HFC são desenvolvidos com posturas éticas e são agentes transformadores na sociedade.

Os projetos são: “Superação”, que informa e orienta a sociedade sobre a cultura de prevenção (Outubro Rosa; Novembro Azul; Dia de Doar; HFC na Comunidade); o “Semear” é um núcleo de treinamento que desenvolve a força de trabalho (Capacitação equipe com treinamentos, workshops, seminários, congressos); o “Bem-nascer” que promove educação, bem-estar e informação à mulher (Curso de gestantes; Mãe Canguru; Plante Vida); e o “Riso” – Realizado por voluntários durante a internação dos pacientes (Cãopanheiro, Plantadores da Alegria Biblioteca Viva, Capelania).

(Eliana Teixeira)