Ibope: Bolsonaro tem 32% das intenções de voto; Haddad tem 23%

Ibope: Bolsonaro tem 32% das intenções de voto; Haddad tem 23%
Fonte: Agência Brasil

Em nova pesquisa do Ibope Inteligência sobre a intenção de votos para a Presidência da República, o candidato Jair Bolsonaro (PSL) tem 32% e Fernando Haddad (PT) soma 23%. Ciro Gomes (PDT) tem 10%, Geraldo Alckmin (PSDB), 7% e Marina Silva, 4%

João Amoêdo (Novo) e Henrique Meirelles (MDB) registraram 2% cada. Alvaro Dias (Podemos) e Cabo Daciolo (Patriota), 1%. Guilherme Boulos (PSOL), Vera Lúcia (PSTU), João Goulart Filho (PPL) e Eymael (DC) não pontuaram.

Brancos e nulos somam 11% e 6% não sabem ou não responderam.

Votos válidos

De acordo com o Ibope, nos votos válidos, descontados nulos e brancos, Bolsonaro atinge 38%, Haddad, 28%; Ciro, 12%; Alckmin, 8%; e Marina, 4%.

Amoêdo tem 3%. Meirelles, Alvaro Dias e Cabo Daciolo, 2%. Boulos tem 1%. Vera Lúcia, João Goulart Filho e Eymael não pontuaram.

Conforme a legislação, se nenhum candidato atingir 50% mais um dos votos válidos, haverá 2º turno.

O nível de confiança da pesquisa é de 95% e a margem de erro de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

Evolução dos resultados

Os principais candidatos oscilaram na margem de erro na comparação com a pesquisa divulgada pelo Ibope na última segunda-feira (1º). Bolsonaro passou de 31% para 32%; Haddad de 21% para 23%, diminuindo de 10 para 9 pontos percentuais a diferença entre os dois candidatos nas primeiras colocações.

Ciro oscilou negativamente de 11% para 10%; Alckmin de 8% para 7%; e Marina alcançou os mesmos 4% de intenção de votos.

O número de eleitores que se declaram indecisos passou de 5% para 6% e o total de entrevistados que declaram votar em branco ou nulo oscilou de 12% para 11%.

Rejeição

A taxa de rejeição de Jair Bolsonaro é de 42% e de Fernando Haddad é de 37%.

Segundo turno

Conforme o Ibope, uma eventual disputa em 2° turno entre Fernando Haddad e Jair Bolsonaro, o petista teria 43% dos votos e Bolsonaro, 41% – resultado considerado empate técnico por causa da margem de erro da pesquisa. Brancos e nulos somam 12% e não sabem, 3%.

Se o segundo turno fosse entre Ciro e Bolsonaro, Ciro venceria com 46%, Bolsonaro teria 39%, com 13% de votos em branco ou nulo e 3% não declarados.

Alckmin (41%) também supera Bolsonaro (40%). A diferença está dentro da margem de erro. Nessa hipótese, 16% dos entrevistados declaram voto em branco ou nulo e 3% preferiram não declarar.

Jair Bolsonaro (43%) venceria em um eventual confronto direto com Marina (39%). Nesse cenário, 16% dos entrevistados declaram voto em branco ou nulo e 2% preferiram não declarar.

O levantamento do Ibope foi realizado segunda e terça-feiras (1º e 2 de outubro) e ouviu 3.010 eleitores em 209 municípios. A pesquisa foi contratada pela TV Globo e pelo jornal O Estado de S. Paulo. O levantamento está registrado no Tribunal Superior Eleitoral (BR-08245/2018). 

Saúde de Bolsonaro

Uma junta médica examinou hoje (3) o candidato do PSL, Jair Bolsonaro, e recomendou que ele evite atividades que possam cansá-lo. Segundo o médico gastroenterologista Antonio Luiz de Vasconcellos Macedo, ele deve estar liberado para retomar o ritmo de campanha em uma semana a dez dias.

De acordo com Vasconcellos Macedo, a avalição clínica e os exames laboratoriais de Bolsonaro estão bons e ele se recupera bem. O médico disse ainda que o candidato é “muito obediente” e segue as recomendações que são prescritas.

Bolsonaro foi esfaqueado no último dia 6, durante campanha de rua, em Juiz de Fora, em Minas Gerais. Ele fez duas cirurgias de grande porte: na primeira, recebeu uma bolsa de colostomia e na segunda, foi submetido a um procedimento para desobstrução. Desde então, ele evita contatos com grande quantidade de pessoas, utiliza basicamente os meios de comunicação e redes sociais para fazer campanha.

Ibope: Bolsonaro tem 32% das intenções de voto; Haddad tem 23%