Inadimplência do consumidor piracicabano recua 3,1% em julho

comércio Inadimplência registrou queda de 3,1%. (Arquivo /JP)

A inadimplência do consumidor de Piracicaba registrou queda de 3,1% em julho deste ano, quando comparada ao mesmo período do ano passado. No acumulado do ano, os números da inadimplência caíram 0,2%. A análise mensal de julho em relação a junho aponta que o indicador teve leve aumento de 0,7%. As informações foram obtidas a partir de levantamento realizado pela Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito), em parceria com a Acipi (Associação Comercial e Industrial de Piracicaba).

A redução no índice interanual julho de 2017 e julho 2018, pela percepção da entidade, deve-se ao fato de que as pessoas estão mais criteriosas na tomada de crédito, principalmente em compras a prazo. O consumidor também tornou-se mais cauteloso quanto ao orçamento e planejamento financeiro, evitando, assim, despesas extras.

Sobre o aumento na comparação entre junho e julho, o presidente da Acipi, Luiz Carlos Furtuoso, afirma que o cenário de instabilidade no país, sobretudo na política, reflete na questão do crédito. “Não podemos deixar de lado o reflexo da instabilidade política no comportamento do consumidor. Todos os setores da economia respondem de alguma forma ao ano eleitoral”, explica.
O indicador de recuperação de crédito do consumidor, por sua vez, de acordo com o levantamento da Boa Vista SCPC, caiu 8,4% na comparação mensal de julho com o mês anterior. No resultado acumulado, a recuperação teve aumento de 1,2%.

( Da Redação)