Incêndio florestal deixa 18 pessoas feridas em Portugal

Incêndio florestal deixa 18 pessoas feridas em Portugal
Fonte: Agência Brasil

Pelo menos 18 pessoas ficaram levemente feridas no incêndio que começou na noite passada na serra de Sintra, a cerca de 30 quilômetros ao norte de Lisboa, onde mais de 750 bombeiros tentam controlar as duas frentes por onde as chamas avançam.

Segundo André Fernandes, comandante distrital da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) de Portugal, as operações de combate das chamas, reforçadas desde o começo da manhã com oito veículos aéreos, ocorrem “favoravelmente”, embora as frentes ativas “ainda preocupem”.

“São a prioridade tanto dos bombeiros quanto dos meios terrestres de extinção, que chegam a 225 veículos”, explicou Fernandes, que afirmou que durante a madrugada a situação foi “muito difícil”.

André Fernandes disse que os especialistas informaram que haverá “menos vento” e que as temperaturas rondarão os 24ºC no dia de hoje.

“São condições totalmente diferentes, e favoráveis, em comparação com a tivemos nas primeiras horas do incêndio, que nos obrigou a executar uma estratégia defensiva”, comentou Fernandes.

Parte dessa estratégia foi a retirada de 47 pessoas de várias aldeias próximas e a retirada preventiva de outras 300 do camping da cidade vizinha de Cascais, onde as chamas se aproximaram durante a madrugada.

Além disso, Fernandes detalhou que 18 pessoas ficaram levemente feridas, um morador da cidade e 17 bombeiros, nove dos quais foram atendidos na região e já se reintegraram à operação de combate às chamas.

Incêndio florestal deixa 18 pessoas feridas em Portugal