Inscrições para 14ª edição da Bienal Naïfs do Brasil começam hoje

De hoje a 13 de março, os artistas/produtores de arte naïf, que configura-se na criação primitiva, ingênua, espontânea e popular, de todas as regiões do Brasil podem se inscrever para a 14ª edição da Bienal Naïfs do Brasil, evento cultural realizado pelo Sesc São Paulo na unidade em Piracicaba. As inscrições são gratuitas e devem ser feitas exclusivamente por meio da ficha de inscrição da Bienal Naïfs do Brasil, disponível, junto ao regulamento, nas unidades do Sesc no estado de São Paulo, em pontos culturais de todo o país e também no site bienalnaifs.sescsp.org.br/2018.
 
Realizada pelo Sesc São Paulo desde 1992 na unidade da instituição em Piracicaba, a Bienal Naïfs do Brasil foi criada com o propósito de privilegiar a participação de artistas cujas obras revelam a produção de arte instintiva, naïf ou naïve, concebida, em sua maioria, de forma autodidata. A edição de 2018 tem abertura prevista para o dia 17 de agosto.
 
ANTERIOR — Há dois anos, a 13ª edição da Bienal Naïfs do Brasil, que teve curadoria de Clarissa Diniz, Claudinei da Silva e Sandra Leibovici, foi composta por 185 obras de 111 artistas, representando 24 estados brasileiros, e um público formado por cerca de 70 mil visitantes. Na ocasião, foi desenvolvido material educativo que atendeu a rede de ensino da região e cada público visitante, com suas características particulares e peculiares. O Núcleo Educativo foi conduzido por 15 educadores e coordenado pelo curador, pesquisador e professor Claudinei Roberto. 
 
Durante a exposição, os educadores receberam, além do público espontâneo, aproximadamente 16 mil pessoas por meio do agendamento prévio de grupos formados por escolares (de educação infantil a universitários de escolas públicas e particulares), terceira idade, artistas locais e nacionais, instituições, associações e ONG (Organização Não Governamental)s, empresas, galeristas, formadores de opinião, entre outros, de diversas partes do Brasil. A programação complementar da mostra, como ocorre habitualmente, trouxe oficinas com artistas naïfs, vivências, formação de professores, espetáculos de teatro e dança, shows, cursos e sessões de cinema.
 
Ainda sobre a 13ª Bienal Naïfs do Brasil, foi produzido, pelo Mezclador e Filmes Para Bailar, o webdoc Na Beira da Cor, que mostra que ingenuidade, instinto e uso indiscriminado das cores, talvez, não sejam características da arte naïf e, sim, da arte. A obra pode ser assistida em http://bit.ly/2qTlmpz.
 
SERVIÇO — 14ª Bienal Naïfs do Brasil. Inscrições: de hoje até 13 de março. Ficha de inscrição e regulamento completo em bienalnaifs.sescsp.org.br/2018 ou no Sesc (rua Ipiranga, 155, Centro. Informações: (19) 3437-9292.