José Luiz Ribeiro é novo secretário de Trabalho e Renda

Novo secretário da Semtre, José Luiz

O prefeito Barjas Negri (PSDB) anunciou ontem o nome do sindicalista José Luiz Ribeiro para assumir a Semtre (Secretaria Municipal de Trabalho e Renda), substituindo Evandro Evangelista. O anúncio aconteceu por meio do Centro de Comunicação Social, após um encontro entre Barjas, Ribeiro, Evangelista e sindicalistas.

Segundo o prefeito, o empresário Evandro Evangelista manifestou interesse em deixar o cargo, porque há choque de agendas entre o seu cargo na Semtre e sua empresa, principalmente no período noturno. Porém, o prefeito o convidou a permanecer no governo em um cargo de assessoria.

Durante a reunião, o prefeito teceu elogios ao desempenho de Evangelista à frente da Pasta por mais de dois anos, tendo obtido bons resultados na prestação de serviços aos trabalhadores, com
cursos de qualificação, encaminhamento de candidatos a empregos, reforma do Camelódromo, estreitamento de ações junto ao Conespi, busca de parcerias com o setor empresarial, entre outros.

Sobre Ribeiro, Barjas destacou que, neste momento em que o País tenta sair da crise econômica e política, ele vem com grande experiência adquirida como secretário de Trabalho do Estado, cargo que ocupou por três anos na gestão do governador Geraldo Alckmin, e poderá ajudar Piracicaba na articulação de novos cursos com recursos federais, captação de vagas de emprego
e outras ações.

Além disso, Barjas espera que a Semtre continue seus bons trabalhos junto aos sindicatos da cidade, mantenha as parcerias com o setor produtivo e busque aproximação com o Sistema S. Tudo
para que sejam geradas mais vagas e que os trabalhadores da cidade possam retomar os seus cargos nas indústrias e no comércio.

BALANÇO
Durante a gestão de Evangelista, com o foco na geração de renda, a pasta cadastrou a abertura de 8.444 vagas de emprego, registrou o crescimento de 61,5% no número de MEI (microempreendedores individuais) e foi responsável pelo aumento de 75% no número de ambulantes cadastrados.

Apenas no primeiro trimestre de 2019, o número de vagas de emprego disponibilizadas por meio do Centro de Apoio ao Trabalhar (CAT)/ Semtre representa 65,1% do total registrado no ano anterior. Entre janeiro e março foram cadastrados 1.284 postos de trabalho. Em 2018 foram 3.686, índice 6,10% maior quando comparado a 2017, quando 3.474 possibilidades foram ofertadas – melhor índice desde 2014.

“Sempre defendi uma gestão municipal com foco na geração de renda, seja por meio do emprego formal ou do empreendedorismo. Por isto, abrimos as portas da Semtre para a comunidade e para os empresários. Firmamos parcerias e criamos ações, como por exemplo, a formação de uma equipe que vai até as empresas captar vagas de trabalho”, afirma Evandro. “Iniciativas que trouxeram bons resultados, já que no período mais crítico da crise econômica, em 2017, conseguimos aumentar o número de vagas cadastradas. Em 2015, por exemplo, foram ofertadas 2.839 e em 2016
foram 2.509”, acrescenta.

“A gestão interna da Semtre sempre foi de portas abertas, na qual estagiários, terceirizados e funcionários sempre foram ouvidos. Consequentemente, não poderia ser diferente com o cidadão que procuram nossos serviços. Trabalhamos junto aos nossos funcionários para humanizar o atendimento”, finaliza.

(Da Redação)