Maconha é encontrada em fogão

Homem não informou o responsável pela droga, pois teme pela sua integridade (Foto: Divulgação/Dise) Homem não informou o responsável pela droga, pois teme pela sua integridade (Foto: Divulgação/Dise)

Um homem de 41 anos foi preso na manhã desta terça-feira (26), após ser acusado de gua rdar seis tijolos de maconha, em sua residência, no Jardim Oriente. De acordo com os policiais civis da Dise (Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes), o investigado teria alegado que guardava entorpecentes para outro traficante, mas não teria informado sua identidade por temer represálias.

De acordo com os investigadores, a equipe apurou o envolvimento do suspeito que armazenaria entorpecentes em sua residência. Os policiais foram até a casa do suspeito, onde teriam encontrado os tijolos de entorpecentes dentro do fogão. Ele teria informado aos policiais que receberia um valor para guardar o entorpecente dentro de sua residência, porque estava passando por necessidades. O investigado não aceitou informar quem seria o responsável pela droga, pois teme pela sua integridade e da família.

O acusado foi encaminhado à sede da delegacia especializada, onde prestou depoimento ao delegado Demétrios Gondim Coelho. Depois foi levado à carceragem até ser levado à audiência de custódia.

Os tijolos de maconha foram apreendidos e enviados para perícia do IC (Instituto de Criminalística). As apurações continuarão a ser realizadas pelos policiais da Dise na tentativa de identificar outros envolvidos no esquema de tráfico de drogas.

OUTRO CASO

Foi a segunda prisão realizada pela acusação de tráfico de drogas realizada pela mesma equipe no período de dois dias. Na última segunda-feira, os investigadores fizeram uma abordagem no bairro Nova América. De acordo com a polícia um dos investigados atuava como “patrão” (responsável pelo ponto de venda de drogas), foi preso na semana passada pela PM, acusado de tráfico de drogas.

Cristiani Azanha