Mãe é presa e filho adolescente apreendido após serem abordados com drogas nos Bosques

Droga e dinheiro apreendidos (Divulgação/Dise)

Os policiais civis da Dise (Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes) apreenderam ontem, um adolescente de 17 anos, apontado como envolvido no tráfico de drogas nos Bosques do Lenheiro. A mãe do menor, que teria jogado os entorpecentes do filho, e instigado moradores contra os policiais também foi presa. Na ocasião foram localizados 844 pedras de crack, 30 trouxinhas de maconha, 51 pinos de cocaína, mais uma porção de cocaína bruta, um pedaço maior de maconha, material para embalagem e R$ 200,00. Caso foi registrado na sede da delegacia especializada como tráfico de entorpecentes, associação ao Tráfico, desacato, resistência e desobediência.

De acordo com os policiais, a investigação apurava que um homem já conhecido nos meios policiais pela prática criminosa, estaria utilizando de adolescentes para que estes fracionassem e armazenassem entorpecentes para venda, tendo inclusive alugado um imóvel única e exclusivamente para tal ação. Os investigadores foram até ao endereço apurado e perceberam que dois visualizaram a aproximação da viatura pelo blindex do sobrado e fugiram. Um dos adolescentes fugiu e outro foi alcançado. Durante a fuga, eles teriam dispensado uma sacola com maconha, cocaína, crack, dinheiro e material para embalagem.

O menor apreendido confessou que haveria mais entorpecentes no barraco em que reside, localizado no interior da Comunidade Frederico. Enquanto os policiais estavam na moradia, a mãe do menor passou a gritar e ofender a equipe com diversas palavras de baixo calão, sendo iniciado princípio de tumulto no bairro por parte de outros moradores coniventes com o tráfico. Durante a confusão, o menor tentou nova fuga, sendo acompanhado a pé por um quarteirão, vindo a desequilibrar-se e cair ao solo, sofrendo lesões em decorrência da queda, sendo contido e algemado, segundo os policiais.

Na residência do adolescente, após buscas, os investigadores não localizaram a droga. Ela confessou ter tirado a pochete contendo entorpecentes e a escondido fora do barraco, assim que soube que seu filho havia sido detido. A mulher já havia sido presa por tráfico de entorpecentes e a seu desfavor, haviam outras denúncias formalmente registrados – sendo que inclusive no ano passado, esta equipe ao cumprir mandado de busca em sua residência, apreendeu cinco tijolos grandes de maconha e outras porções já fracionadas, junto com o RG da mulher.

 

 

Cristiani Azanha

[email protected]